Monday, January 08, 2007

Três Palavrinhas Mágicas



Sempre digo que atualmente parece-me que as pessoas esquecem - e muito! - das boas maneiras. Quando falo de boas maneiras, incluem-se, além de não apoiar os cotovelos na mesa, mastigar de boca fechada e dar passagem aos mais idosos, o jeito de se pedir alguma coisa. Não sei se a impassibilidade e a frieza tomam conta das pessoas, mas percebo mesmo que a falta de educação vem aumentado cada vez mais.
Sabe quando a gente pede "por favor...", não estamos nos rebaixando, estamos pedindo algo sem implorar. Por mais que seja algo que possa ser meio constrangedor, o "por favor" diminui todas os sentimentos de culpa e de que acabou de levar bronca.
Pedir desculpas pelo erro é uma forma de se expressar o arrependimento, mas nunca virar um capacho. Saber se desculpar, indica que reconhece que errou e que espera não repetí-lo. E saber aceitar as desculpas também é uma forma que entende e compreende a pessoa.
Agradecer pela ajuda, com o "muito obrigado (a)", alivia a alma e a mente de ambas as partes: a pessoa que pediu a ajuda sabe que têm pessoas prontas a dar uma mãozinha e pessoas que reconhecem o trabalho.
Sabe que dizer essas três palavrinhas nunca matou ninguém, faz um bem para a alma e para a saúde, tanto a minha, a nossa e a de vocês.

No comments:

Post a Comment