Monday, September 13, 2010

Calmaria



Finalmente, depois de agosto ter sido um dos piores meses que já passei em minha vida, ao menos este mês está sendo de uma tranquilidade e até digo um pouco de sorte. Não, não ganhei sozinha na Loto 6, mas de que agora parece que as coisas estão melhorando. Aos poucos, mas melhor assim.

Por enquanto ninguém mais atentou contra nosso carro. Mas também deixamos como está pra ver no que daria. A polícia por enquanto não descobriu quem foi. Agradeço pelas mensagens de apoio, de ajuda e de preserverança deixados nas caixas de comentários, deixou-nos mais fortes e passaram por cima de um único comentário infeliz que deixaram. Isso porque não foi com ele, o que deixou-nos a impressão de que, ele aceita a atitude que fizeram conosco. Bom, deixamos as coisas tristes para trás.

De alguns dias para cá, como o tempo deu uma pequena refrescada, fui para a estação de bicicleta. Eu evitava de ir por causa da volta: como onde eu moro fica no alto da cidade, na ida, toda descida o santo ajuda, e como toda ida que tem descida, a volta né... E claro, andando de bicicleta, você acaba descobrindo outros caminhos e outras curiosidades que nem de ônibus ou carro a gente viria. Sem falar de manter a forma e dar mais disposição. Será que por isso estou postando quase todo dia?!

O bairro onde moro é mais residencial, apesar da estrada principal cortar a cidade, com o trânsito de manhã, ao final da tarde e nos feriados prolongados quebrar o silêncio do local e da construção de um túnel (para facilitar o fluxo). Não digo não ter lojas ou supermercados, o que obviamente possui uma loja ali um restaurante aqui durante o percurso. Mas não ser congestionado como o centro da cidade, onde fica a estação.

Nas próximas semanas, namorido será transferido de trabalho. Embora vai ter que pegar um ônibus e um trem, pelo menos relação custo x benefício sairá mais em conta do que antes. O que vai ajudar mais ainda na procura de um outro apertamento, algo que estou sempre comentando, mas está sendo difícil de correr atrás. Espero mesmo que até o final do ano as coisas já se normalizem (bem disseram: pra procurar um apertamento aqui, sofre...).

Onde estaria a calmaria nisso tudo? Eu diria que dentro de mim mesma. Tentando ter paz comigo mesma para que eu possa levar adiante muitas coisas para que as coisas continuem a dar certo. Não faço meditação (algo que eu deveria fazer alguns minutos por dia) tampouco mudei de religião (respeito a escolha religiosa de cada um, desde que não fiquem me torrando), mas diariamente, ao acordar, faço orações agradecendo pelo dia que passou e pelo dia de hoje. E sinto-me mais leve e renovada.



"Love & Peace Inside?", de Noriyuki Makihara. Se ninguém retirar o vídeo...

"Certamente meu coração será mudado / assim como o mundo também / de forma inesperada/  eu posso mudar o mundo / Não é preciso brigar com os outros por coisas banais/ para mudar / do fundo do coração continue a perguntar / existe paz e amor dentro da gente?"

Foto: tirada da própria autora em uma de suas caminhadas em Yokohama, perto do Minato Mirai, em maio deste ano (esqueci de anotar quem foi o autor da estátua).

5 comments:

  1. Que bom quando sentimos as coisas a melhorar na nossa viduska, e sobretudo quando nos sentimos em paz conosco mesmo.
    GAMBATTE
    Tudo de bom!

    ReplyDelete
  2. As vezes acho que vc está ganbatteru demais. Relaxe e descanse de vez em quando. Vamos ao este? Pelo menos assim vc relaxa. Queria te convidar para vir ao Halloween de Honmoku esse ano tb. Que tal?

    ReplyDelete
  3. lolipop, por isso que eu acredito na força divina. E isso me anima.
    Beijos!

    Elisa, estou realmente precisando ficar alguns dias longe do trabalho. Quanto ao este, vamos ver se no sabado da pra gente fazer alguma coisa!
    E Halloween, vamos sim! Vou tentar marcar minha folga no final do mes!
    Beijao!

    ReplyDelete
  4. pqp, menina!! Que coisa horrível! Ainda bem que vc superou e ainda bateu cabelo, tipo a joelma do calipso (vc sabe o que é, certo?) A vida aí é colorida, mas meus primos também reclamavam que era dureza achar imóvel um pouco maior ou mais perto do serviço... mas enfim, aproveita as férias, curta bastante!!! Nossa, adorei o tal SMAP! O que significa? Preciso orgente estudar japones, que eu nao falo nem arigatô direito. Beijaoooooooooooo

    ReplyDelete
  5. Nem esquenta, de uma forma ou de outra "aqui se faz, aqui se paga"... melhor vc nem ficar sabendo quando pagarem pq senão isso vira contra vc pq vc ficará feliz rs... relaxa e aproveita esse calor INFERNAL do Jp rs...

    Kisu!

    ReplyDelete