Tuesday, September 21, 2010

Desculpa Furada, a Missão

Eu sei e tenho consciência de que, após eu postar isso, metade de um pessoal vai querer me espancar, enfiar um espeto em mim, embalar em papel alumínio e me botar pra assar num rolete para alimentar uma nação faminta e outra metade vai querer além de tudo isso, o que sobrar jogar em algum vulcão ativo para saciar a vontade de entrar em erupção, mas, tirar um dia para se divertir e esquecer dos problemas do dia a dia, do mundo, das dores de cabeça de trabalho, vida e que problemas do mundo nunca se resolveu de um segundo a outro, existe algo errado?

E também sei que a vida não está fácil pra ninguém, em qualquer lugar do mundo. Eu sei o quanto é difícil trabalhar, engolir cada sapo e descascar cada abacaxi para garantir a renda no final do mês para pagar as contas. Sim, pago impostos, seguro e tudo o mais como (quase) qualquer habitante. Isso não vem ao caso.

Alguns me perguntam "porque não abordo temas ótimos pra botar mais lenha na fogueira": já expliquei uma vez e torno a dizer - caramba, a vida da gente não é só desgraça, desgraça, tragédia, desgraça. Tamanho pessimismo assim, chama mais "coisas ruins" mesmo! Acho que um pouquinho de humor, levianidades, nunca matou ninguém, vai.

Acho que acabei postando isto porque já ouvi gente dizendo pra mim (indiretamente): "Diversão? Pra quê? Não está vendo que o país está afundando e você não se preocupa com isso bla bla bla.... E perde um ou dois dias de sua vida só se divertindo?" Dai-me forças para ouvir TANTO disparate...

Tudo porque eu apenas tirei cinco dias de merecidas férias para recarregar minhas baterias...

A autora volta com a programação normal na quarta-feira, se tudo correr bem. Espero.

8 comments:

  1. hahaha...vao querer te assar,morrir de sorrir. E concordo com o que vc escreveu e bom descanso,beijao.

    ReplyDelete
  2. Andreia, essa frase eu peguei do finado blog das Garotas que Dizem Ni, em que uma delas falava do dinossauro roxo Barney, que ela tinha vontade de botar no rolete, assar pra alimentar uma tribo inteira hahaha Sim, realmente a gente precisa esquecer pelo menos um pouco os problemas, ne?
    Ah, adorei as fotos de Yokohama! Estava perto de casa, ne?
    Beijao!

    ReplyDelete
  3. Kiyomi
    Curta o Tokyo Dome e nos conte como foi.
    O que vale na vida é o bom humor, não importa fazendo o que.
    Tem gente que é reclamão sempre e não fica feliz nem quando tá de férias...
    até mais

    ReplyDelete
  4. ah, qual o problema de se divertir um pouco? não há mal algum em aproveitar bem suas férias e folgas..rsrs

    ReplyDelete
  5. Olá Kiyomi,
    Sabe como se chama isso? Inveja!
    Os invejosos não podem ver os outros se darem bem que logo atiram as primeiras pedras. Se você compra um carro novo, se come em um lugar diferente, se viaja para um lugar legal ou mesmo se descansa alguns dias, lá estão eles de prontidão para cutucar.

    Mas é fácil contornar isso...é só ignorar. E pergunte o que eles estão fazendo em prol do mundo...

    Bjo,
    Carlos

    ReplyDelete
  6. Nozomi, sobre o show no Tokyo Dome estou preparando, pois foi tanta coisa, que ainda estou sonhando acordada hahahaha

    Desabafando, tambem concordo: a vida foi feita de trabalho e também diversão. Não importa onde e como eheh

    Carlos (Tabeteimasu), é verdade: às vezes acompanho alguns blogs sobre a vida aqui. A maioria fala sobre como é viver, mostrar o lado cultural, de descontração, alegria e reflexão. Só que andei lendo alguns que o pessimismo corre solto. Que aqui não está sendo fácil, é verdade, mas se temos um trabalho, temos como viver. E alguns instantes pra recarregar as baterias. Afinal, como disse o leitor MP Kouhaku, precisamos descansar para que possamos seguir adiante!

    Abraços e beijos a todos!

    ReplyDelete
  7. Quem vive só para trabalhar acaba morrendo sem aproveitar nada da vida.

    ReplyDelete
  8. Uia quem disse essas sandices todas? E dai que o mundo ou o país está em crise? Se vc pode aproveitar, por que não?

    Kisu!

    ReplyDelete