Monday, December 13, 2010

O Festival do Vermelho e Branco - Kouhaku Utagassen - Parte 2


Apresentadores Oficiais, Auxiliares e Supporters das Duas Equipes

Até o 59a. edição, eu achava que o festival estava com a audiência despencando, pois justo no último dia do ano as outras emissoras colocavam outras atrações no ar, como o Record Taisho (divulgando os melhores do ano) e luta livre. Mas no ano passado, capricharam e foram com tudo. Pelo fato de ter sido os sessenta anos do evento? Também, mas foi um evento que não houveram incidentes e, segundo um amigo meu que esteve cobrindo o evento para a rádio, nunca se viu tanta gente querendo ir ao evento naquele ano. Devido a novas atrações que vieram participar...

Todo programa tem os apresentadores da emissora, os auxiliares (comentaristas) e, no caso do Kouhaku Utagassen, os supporters que representam as duas equipes. O que muita gente espera - além dos cantores e cantoras, tópico que logo vou fazer sobre isso - seriam os representantes das duas equipes - uma mulher representando a equipe vermelha e um homem representando a equipe branca. Bem, não obrigatoriamente.

Os apresentadores (ou mediadores) são da própria emissora. Dificilmente eles ficam mais do que dois ou três eventos seguidos (exceção feita por Shozaburo Ishii, Shizuo Yamakawa e Ryuji Miyamoto, que ficaram mais de seis a dez eventos seguidos). Mas já teve apresentador que acabou sendo representante de equipe, como o apresentador Teru Miyata, que no começo foi representante do Shirogumi, depois foi duas vezes o mediador e logo depois novamente representante. O apresentador auxilia as duas equipes na apresentação das atrações, comentários, e outros detalhes. Este ano, pela segunda vez consecutiva, será Wataru Abe.

Os auxiliares, que aparecem nas chamadas pré-Kouhaku e no site oficial do evento, eles também ficam dentro e fora dos bastidores, acompanhando o que acontece. O ano passado foram os tarento Terry Ito e Mari Sekine. Este ano, eles contarão com a presença de Nana Mizuki, que no ano passado foi o primeiro Kouhaku que participou.

Agora, o que muita gente espera mesmo são os supporters ou representantes das duas equipes. Geralmente são atores e atrizes, cantores e cantoras, raramente apresentadores de TV, enfim, o que for voltado pro entretenimento. Já tiveram esse privilégio cantores e atores como :

- Kyu Sakamoto (ídolo dos anos 60 famoso pela "Ue wo muite arukou" (que no resto do mundo ficou conhecido pelo nome infame de "Sukiyaki");
- Yuzo Kayama (ídolo dos anos 60 também, famoso pelos filmes que também cantava, este ano participará pela 17a. vez, sem contar como supporter);
- Masaaki Sakai (ex-vocalista do grupo The Spiders, fez a primeira versão de "Saiyuuki" e hoje apresentador de programas de variedades);
- Tetsuya Takeda (ator, sempre lembrado pela série famosa "Kinpachi Sensei Sannen B", foi um dos vocalistas do trio Kaientai);
- Chiemi Eri (cantora, era uma das "Sannin Musume", formado com ela, Hibari Misora e Izumi Yukimura, faleceu prematuramente em 1982);
- Hibari Misora (a diva da era Showa, dez entre dez cantoras dizem terem grande influência através dela);
- Naomi Sagara (cantora, nos anos 80 sua carreira declinou devido ao fato de sua ex-parceira ter revelado que ela era lésbica);
- Tetsuko Kuroyanagi (apresentadora, mantém até hoje o programa "Tetsuko no Heya", famosa pelas suas ações humanitárias no exterior e também pelo livro "Totto-chan, a garotinha da janela");
- Masako Mori (cantora, fez sucesso nos anos 70 junto com Momoe Yamaguchi e Junko Sakurada. Parou com a carreira artística ao casar-se com Shinichi Mori e voltou recentemente ao divorciar-se dele);
- Mitsuko Mori (veterana atriz tanto de TV como de teatro, ela é muito conhecida por gostar (muito demais por sinal) dos meninos do Johnny's Jimusho, como Hiroyuki Higashiyama e Hideaki Takizawa).

Nos anos 90 em diante, quando houve o boom da (hoje não tão ) nova safra de artistas ( não que não houvesse nos anos anteriores, mas muita gente lembra mais dos anos 90 do que as demais, talvez que tem muito artista cujas músicas são cantadas até hoje), os representantes mais notáveis foram:

- Akiko Wada (cantora, que começou com blues e jazz em Osaka, dona de uma voz potente. E língua afiada também);
- Junko Kubo (apresentadora da NHK, que chegou a estudar na Inglaterra e Estados Unidos, foi uma das mais carismáticas da emissora, hoje faz aparições esporádicas);
- Hikari Ishida (atriz famosa nos anos 90, trabalhou em "Asunaro Hakusho");
- Yukie Nakama (atriz, tentou ser cantora na campanha da operadora de celulares da au, vai ser lembrada pelas personagens de Yankumi ("Gokuzen"), a ilusionista Naoko Yamada (a série "Trick") e a devotada esposa em "Watashi wa Kai ni Naritai");
- Wataru Abe (apresentador da emissora, do programa "Ohayou Nihon", noticiário das sete da matina, este ano vai ser o mediador);
- Motoya Izumi (conhecido a alguns anos atrás pelo casamento e a fama da mãe estar sempre a tiracolo, largou a carreira artística para tentar ser lutador, mas parece que não está dando certo e ano que vem volta no taiga dorama da NHK em "Gou - Himetachi no Sengoku");
- Masahiro Nakai (líder do quinteto Smap, desde 1997 participa como representante do Shirogumi - exceção em 2007 que foi como do Akagumi - já fez dupla com a Akiko Wada, Junko Kubo e três vezes com a Yukie Nakama - que valeu o apelido da dupla "Naka-Naka", pois eles conseguiam animar o festival).

A função dos supporters ou representantes das duas equipes seria apresentar os artistas, conseguir votos e entreter o público. Ficar quatro horas ao vivo no palco ou nos bastidores não é bolinho. Pra dizer a verdade, o Kouhaku do ano passado foi o único que consegui assistir inteiro (os demais assistia uma parte ou outra), então dá pra sentir o drama que os apresentadores, os supporters e os auxiliares passam. Mas eles também contaram - no ano passado - com a ajuda de várias personalidades nos bastidores ou no meio do público, geralmente aparecem sem aviso prévio.

Este ano, como tinha informado numa postagem aqui ("Nada Rápida, Nem Rasteira", 4 de novembro deste ano), o apresentador será Wataru Abe; os auxiliares serão Terry Ito, Mari Sekine e Nana Mizuki e os representantes das equipes branca e vermelha respectivamente serão o quinteto Arashi e a atriz Nao Matsushita (o que teve gente que achou que seria covardia - cinco rapazes contra uma mulher). O que espera-se que, a cada ano aumente a audiência do evento, se bem que este ano - assim como no ano passado - teve inúmeros pedidos para assistir ao vivo. E são cerca de 3000 lugares no NHK Hall...

Logo em breve, quem sabe ainda nesta semana, a parte 3 - Os Eleitos.


Fotos, via seogugol, exceto a última direto da home page do evento.

3 comments:

  1. vou ser sincero... qdo mostram os kouhakus antigos, eu congelo na frente da tv. adoro, idem o Record Taisho e cia.

    mas os de agora... só vejo trechos. pulo muita coisa, acho cansativo, longo demais.

    pena que não há registro em imagens dos 14 primeiros kouhaku né.... só tapes de audio.

    bjs e boa semana! adorei o post

    ReplyDelete
  2. Olá Kiyomi!

    Estou adorando aprofundar no Kouhaku com vc!

    Agora posso assistir conhecendo um pouco mais, que já é um bom começo.

    A hora que tiver tempo vou deixar a minha mãe lendo seus posts (é que ela é preguiçosa para ler, já viu).

    Só vi ela reclamando dos últimos Kouhakus que não tem muita música enka! E lá em casa é uma briga pois gosto das atuais e ela das antigas... rs

    Bjão, boa semana!

    ReplyDelete
  3. Só não seria covardia se a representante do Akagumi fosse o AKB48 completo. E ainda assim o Arashi levaria vantagem.

    Nessa lista de supporters, os melhores nomes são
    - Sakai Masaaki (poderia retornar ao Kouhaku, pois o Record Taisho, que apresenta há mais de 10 anos consecutivos, agora é dia 30)
    - Kuroyanagi Tetsuko (Eterna apresentadora do "The Best Ten" ao lado do Kume Hiroshi)
    - Wada Akiko (a mulher com voz de trovão)

    Preliminarmente, achei a lista desse ano curta demais. Só falta privilegiarem a música "Toire no Kamisama" que é quase um "Faroeste Caboclo".

    ReplyDelete