Saturday, February 12, 2011

Quem Cala, Consente... Mas se Opina, Leva Esporro! (Ou: vai entender essa gente...)

Uma das coisas que eu não gosto de me manifestar seria do que eu acho sobre política, campanhas ambientais, enfim, o que tudo que causa polêmica a ponto de sair no tapa. Podem chamar-me de individualista, egocêntrica e todos os adjetivos possíveis, mas se eu faço minha parte sem alarde algum, e sem prejudicar o vizinho, posso dormir sem peso na consciência.

*********************************************************************
Certa vez indagaram (pra não dizer que criticaram) comigo sobre o fato de eu prefereir assistir aos j-doramas do que as novelas brasileiras; de ter um gosto muito suspeito em matéria musical (leia-se: gostar de Beatles, ter ido três vezes no show do Masaharu Fukuyama e pertencer ao fã clube do Smap...); de ir ao cinema quase sempre no night show (porque é mais barato, oras!). Quando respondo que gosto é gosto, nunca se discute, da mesma forma que nunca indaguei aos outros sobre os gostos pessoais de terceiros, a pessoa ficou um mês sem falar comigo.

*********************************************************************
Mais ainda: quando saiu o novo CM (comercial) da operadora au by KDDI dos smartphones (mas também demoraram, hein?) com o quinteto Arashi (que já eram garotos propaganda desde o ano passado), não lembro se foi um DM do twitter ou mensagem privada que recebi de alguém, que também nem lembro mais pra não variar, perguntando do que eu achava terem trocado os outdoors e os panfletos com a foto da Lady Gaga pela foto do Arashi. Na minha pura inocência e espontaneidade, comentei que ficou mais divertido os comerciais com eles e... Resultado: deram-me unfollow e bloquearam-me. Pelo menos não comentaram nada, mas então, se é pra agir desta forma, por que pede minha opinião??? Vai entender...

*********************************************************************
Se existe uma coisa que me deixa mais danada da vida em matéria de redes sociais, é darem RT (re-twitt) de postagens de nada a ver. Eu sei que se entrei na chuva é pra se molhar, mas existem postagens que beiram entre o ridículo e o extremo do péssimo gosto. Pensava eu, na minha inocência que no twitter era apenas postar alguma coisa de 140 caracteres ou passar informações (houve muitos RTs ótimos que recebi, como o Festival of Media Arts in Tokyo no ano passado ou o Design Festa que também fui no ano passado, dicas de beleza, receitas culinárias, assuntos de ótimos blogs...), mas de um tempo pra cá recebo cada RT que eu tenho vontade de dar um unfollow assim como fizeram comigo no tópico anterior, mas depois é bem provável que eu receba um DM (direct message) ou até uma carta bomba. Vai saber quando é que essa gente está de "ovo virado" ou não...


*********************************************************************
Se tivéssemos pessoas que soubessem opinar e levantar o astral de outras, o mundo não estaria tão perdido assim.

*********************************************************************
Alguns meses atrás, recebi um comentário meio irônico de algumas pessoas sobre o meu jeito. Pra tudo. Como por exemplo, trabalhar comigo. Na hora fingi que nem era comigo, mas doeu por dentro. Mas não dou-me por vencida e estou me esforçando para dar o melhor de mim e, quem sabe, provar que não sou aquilo que pensavam. Apesar de eu preferir ficar no meu canto e fazer o trabalho na medida das minhas possibilidades.

*********************************************************************
Muitas vezes eu pergunto a mim mesma: "se é pra levar esporro, então por qual motivo pedem a nossa opinião sobre isso ou aquilo? E se a gente não fala nada, vão dar duas alternativas: 1) ou você concorda com tudo o que foi falado ou 2) o gato comeu sua língua".

Vai entender...

Para quem não sabe, essa operadora é a preferida das leitoras da revista japonesa "an-an", então...

17 comments:

  1. Kiyomi,
    Disso eu entendo....kkkkk
    Muitos assuntos, até evito falar, porque sei que gera muita dor de cabeça.
    No meu blog por exemplo, tenho vontade de desabafar sobre alguns assuntos, mas sempre acabo voltando atras, com medo do bombardeio.
    Religião é uma delas, sou católica, e respeito todas as religiões, mas tem umas que eu não entendo e ponto.
    Outro dia, fiquei horas discutindo com uma amiga, que é espirita e me disse que aquele menino que foi arrastado pelo carro e morreu, estava pagando pelo que ele fez na vida passada, na hora eu discordei.
    Eu também tenho gostos, preferencias e manias especiais, um pouco por ser perfeccinonista demais.
    Por exemplo, não dirijo, porque faço na rua o que me ensinaram na auto escola, e no Brasil, isso não rola, a lei de transito é outra, já comprovei isso várias vezes.
    E tenho minhas preferencias por musicas, não gosto de pagode, funk,sertanejo(apesar de ter ouvido muito por causa do meu pai),samba...
    E muitas vezes, troco as novelas globais pelas séries americanas...
    Essas pessoas que bloqueiam e que pedem a opinião e depois não aceitam, acham que só ela tem razão, e ficam esperando que todos sejam como elas.
    Ufa! eita cantinho bom para desabafar...kkkkkkkk

    ReplyDelete
  2. ah, respondendo o seu comentário...
    pode usar requeijão cremoso....quando não tenho ricota uso requeijão mesmo..e fica tão bom quanto.
    E sobre SJC, tem um bairro aqui tipo a Liberdade de Sampa, chama Jardim Oriente e as ruas tem nomes japones(acho que os moradores sofrem para falar o nome da rua..kkkkkk), e tem várias lojinhas japas.
    Quanto ao sobrenome, não conheço....

    beijos

    ReplyDelete
  3. Nossa, Kiyomi... senti duas dores agora. Eu também tenho gostos "suspeitos / questionáveis / duvidosos / estranhos" (apesar de diferente dos seus). E a coisa mais insuportável do mundo é quererem me julgar ou questionar porque gosto disso e daquilo.

    Não sei, mas tem gente que acha que é OBRIGAÇÃO sua gostar de determinadas coisas se for determinado tipo de pessoa. Por exemplo, se é brasileiros TEM QUE gostar de futebol. Se é mulato (eu) TEM QUE gostar do calor e é proibido preferir o inverno (eu).

    Tenho tanta raiva de lidar com isso que acabo até me tornando anti-social. Acho que minha liberdade de curtir o que eu quiser (e sei que não prejudica ninguém) vale mais do que companhia de gente que fica querendo moldar minha personalidade ao gosto deles. Podem me chamar de egoísta, mas se quer ser meu amigo tem que aceitar como eu sou. Não que eu não aceite conselhos sinceros, mas têm que dizer civilizadamente e com respeito, né? Dialogar, poxa...

    Desculpa o comentário enorme, mas meio que me vi nesse seu desabafo e quis engrossar o coro com você, Kiyomi.

    Ah, sobre os RTs, bem... não sei se algum fui eu que dei. Mas se eu der, pode mandar uma DM dizendo se não gostou que eu não me chateio. Às vezes a gente repassa um tweet que achou legal na hora mas nem pensa que pode ofender alguém. Estou aberto ao diálogo =)

    E no caso de ser aquele RT no estilo novo, tem jeito de você continuar seguindo a pessoa mas não receber mais os RTs que ela dá. Mas se for RT no estilo antigo, aí não tem jeito, rs.

    ReplyDelete
  4. Fabiana, na verdade, se a gente conversa sobre um assunto e vai tranquilo, sem discussão, até que dá certo. O pior é quando teimam, aí não tem jeito...
    Somos duas no quesito gosto musical (ultimamente ouço MUITO j-pop, mas é melhor do que umas que apareceram por aí, né?). Quanto ao sertanejo, eu prefiro a caipira mesmo. Tonico e Tinoco, sabe? Patrimonio da minha cidade rs (pronto, agora sabe onde moro no Brasil...)
    Ah... sobre a receita, vou tentar com o requeijão. Que posso fazer? Sabe que aqui, catupiry nem dentro da mala, e quem conseguiu, agora nem consegue mais... T_T
    Não sabia que SJC tivesse tanta familia de orientais! Eh que a família Aoki, de SJC é tia de minha mãe...
    Beijao!!!

    ReplyDelete
  5. Felipe, fica frio que não foi você nao, hahaha. Se fosse, ja te mandava um DM rs
    Na real: não sei, nunca vi e nem quero ver o tal do BBB que tanto me dão RT!!! Sem falar alguns RT infames da tal Paula e da Vanusa, que eu simplesmente não aguento maaaaaais!!! Estou usando o twitter novo, vou tentar bloquear esses RTs que irritam mais que espinha.
    Abração!

    ReplyDelete
  6. Olá Kiyomi! Desculpe pela demora em deixar um comentário aqui. Aliás, você deixou vários lá no meu blog. Leio todos e dou muitas risadas (no bom sentido rs.) Ultimamente ando tão corrido, que até estou tendo dificuldades de responder a todos. E adoro quando você esclarece as dúvidas de outras pessoas. Até eu acabo me informando mais com isso. Thanks!

    Mas mesmo nessa correria, faço questão de entrar aqui todos os dias. Na quinta feira mesmo li sua matéria sobre mangás. Mas isso eu respondo no próprio post. Bem, agora comentando sobre esta matéria, também evito entrar em atrito em assuntos envolvendo política, religião... divergências sempre irão existir. Agora sobre meus gostos musicais, televisivos e coisas do tipo, a coisa muda de figura. Respeito a opinião de cada um, mas também quero que respeitem os meus!

    ReplyDelete
  7. Oi Cacá! Imagino a correria, sim. Estou também, mas na medida do possível vou tentar passar as novidades também e curiosidades de doramas (mais velhas que eu haha).

    Ah, sim. Respeito os gostos de cada um... desde que respeitem os meus tambem, uma troca justa e mutua... O caso do CM da au-KDDI comigo foi com um ex-colega de serviço. Foi assim...

    Ele: - Você viu quem está fazendo o CM da au (aqui pronuncia "eiyuu")dos novos celulares android?
    Eu: - Ah, o Arashi?
    Ele: - Eh. E o que você achou?
    Eu: - Até que enfim, né? [nota: na verdade era porque a au NAO tinha lançado um smartphone até novembro do ano passado, sendo que DoCoMo e SoftBank já estavam na segunda troca]
    Ele: - MAS COMO "ATE QUE ENFIM???"
    Eu: - Ué, demorou pra au lançar smartphone, né?!
    Ele: - Eu quis dizer de terem trocado os posters e outdoors da poderosa Lady Gaga pelos aqueles pirralhos daquele grupo, sei lá o nome!
    Eu: - Aaaaaaaah, mas os meninos do Arashi são divertidos!!!

    Eh, nem preciso contar o que me aconteceu no dia seguinte... Então, porque pede pra eu opinar se ele ja sabia da resposta??? Vai entender...

    Beijao!!!

    ReplyDelete
  8. ola!!
    queridona, entendo perfeitamente como vc se sente. Existe um determinado tipo de pessoa que adora colocar os outros para baixo, nao suportam a alegria alheia. Entao se vc diz que gosta de um dorama, vao criticar. Se vc escrevesse sobre novela, tenha certeza que tambem seria motivo de critica. Entao o melhor é ignorar e continuar sendo vc mesma e compartilhando todas as informacoes maravilhosas que vc nos brinda.
    Entao, um ã-hãm para essas pessoas e bola para frente,
    um beijaooo.

    ReplyDelete
  9. Kiyomi, indiquei você à um Meme literário que fiz. Se puder, você responde? http://migre.me/3RLfI
    Beijo! (:

    ReplyDelete
  10. Querida, desculpe a ausência, mal tive tempo de atualizar o meu... enfim... entendo isso, mas as pessoas sempre farão críticas à nossa pessoa... e acha q tem o direito de não falarem delas... infelizmente é esse mundo de hipõcritas rss

    Ahhh manda seu e-mail de acesso ao blog pra poder te add no meu blog pra ler pq agora eu restringi a leitura e vc ficará sabendo pq

    Kisu!

    ReplyDelete
  11. hahaha Oi Andreia! Pois é, não tem jeito mesmo. Enquanto o mundo for mundo, sempre vai haver gente que vai tentar persuadir a gente gostar de vermelho somente vermelho e vermelho rs Eh que meu problema aqui, é que eu tenho pouca gente "ao vivo" que posso falar sobre doramas ou filmes e quando falo, nem sempre coincidem os gostos, mas fazer o quê!
    Felizmente tenho fiéis leitores (ou leitores fiéis, tanto faz) que morrem de rir e se divertem com os artigos que escrevo, afinal rir é o melhor remédio!!!
    Beijao!!

    ReplyDelete
  12. Amanda, pode deixar que eu tentarei responder o meme, agradeço a preferencia!!! ^^

    ReplyDelete
  13. Pois é, Bah: sempre vai ter gente insatisfeita neste mundo. Pior mesmo são as pessoas que você disse: as hipocritas. Mas como disse a Andreia, o jeito é fazer "ã-ran" e seguir adiante haha

    Ah, ja envio o e-mail. Eu ja estava imaginando isso hahaha

    Beijao!

    ReplyDelete
  14. Então podem tacar pedra de calçamento em mim!

    Não assisto novela da Globo, gosto dos Beatles a ponto de jogar Rockband, acho o Fukuyama Masaharu melhor que muito artista americano que anda vendendo horrores e tocando nas rádios e na Emetevê, escuto as boybands do Johnnys desde o Shibugakitai, sou pão-duro, tenho CDs dos calouros do Raul Gil, sou Flamengo, em SP torço pela Matonense, estudo japonês, tirei a carteira de motorista com 28 anos de idade, não bebo, não fumo, canto as músicas do Falcão, ainda tenho discos de vinil, acho meu chefe um cara legal, nunca gostei da Xuxa quando era criança e quero que a Lady Gaga se exploda.

    Pronto, falei.

    Kiyomi, manda esse seu ex-follower de twitter e fã-bomba da Lady Gaga tomar MARACUGINA ouvindo essa letra:

    You are my soul! Soul!
    Itsumo sugu soba ni aru
    Yuzurenai yo daremo jama dekinai
    Karadajuu ni
    Kaze wo atsumete makiokose
    A-RA-SHI!
    A-RA-SHI!
    For dream...

    Aí ele fica calminho, calminho....

    ReplyDelete
  15. MP Kouhaku, estou chorando de rir aqui! A primeira musica do Arashi é bem da época "nosso passado eternamente vai nos condenar", e engraçado que eu vi os meninos debutarem! Curiosamente no sabado, no SmaStation!! apresentado pelo Katori Shingo, teve a presença do Yamashita Tomohisa (do NEWS) e o assunto era... todos os grupos do Johnny's Jimusho desde 1962!!! Tinha grupo que eu nunca tinha ouvido falar, mas sou da época do Matchy e suas bandanas, do Shibugakitai em diante... Sim, Go Hiromi também era do Jimusho, saiu logo depois.
    Até hoje eu tento nao rir quando vejo o Smap e o Arashi no inicio de carreira... (tanto que o proprio Smap se autoparodiavam no quadro "Utae! Aidoru Kikku Ofu" quando eles eram conhecidos como backdancers do Hikari Genji com o nome de "Skaterboys", lembra? Impossivel nao rir!! So que engraçado que o Arashi, no ultimo DVD Live que gravaram, NAO tem a musica A-RA-SHI... por que sera?)
    Abraços, e pode deixar que eu mando esse recado pro meu ex-colega haha =D (e de quebra eu mando a noticia que o Arashi entrou pro Guinness of Records..)

    ReplyDelete
  16. Olá Kiyomi,
    Realmente existem assuntos que são difíceis de conversar. Não pela polêmica, mas sim porque cada um tem uma visão e uma posição e isso sempre acaba gerando discussões calorosas. Com amigos eu sempre discuto esses assuntos pois sei que com eles posso agregar mais conhecimento (e eles tb), mas existem pessoas com uma visão limitada que não querem e não aceitam serem contrariadas e questionadas.

    Gosto é igual oshiri...cada um tem o seu. Também não gosto de novelas brasileiras e não suporto o tal do BBB. Ok, pode ser um passatempo e tenho amigos que dividem o tempo lendo e assistindo coisas importantes e na hora de relaxar ficam assistindo o BBB. Mas a maioria apenas assiste o lixo da Globo e nem se dão ao luxo de se inteirar sobre os assuntos mais sérios. E o pior é quando falam: mas como você não assiste??

    Você vai no cinema no night show? Eu só vou de domingo na primeira sessão (é mais barato e não tem fila) e TODOS sempre me chamam de velho por isso. Preferem ir por exemplo no sábado à noite e gastar 1 hora na fila e assistir o filme com um monte de gente falando e chutando sua cadeira.

    Twitter? Não tenho...não tá sobrando muito tempo para atualizar meu blog e visitar o dos amigos...

    A "massa" espera que todas as pessoas se encaixem nos estereótipos tradicionais e quem está fora desse "padrão" acaba sendo questionado por seus gostos "duvidosos". Mesmo que isso não incomode ninguém e faça a pessoa de gosto duvidoso feliz.

    Abs e boa semana,
    Carlos

    ReplyDelete
  17. Oi Carlos (Tabeteimasu)! No meu caso, é que tem muita gente não se conforma com meu way of life por mais que eu não incomode ninguém. Se a gente dá o ponto de vista, reclamam. Se a gente não dá, reclamam do mesmo jeito, assim fica difícil!
    Ainda bem que voce não tem twitter, pois eu não aguento mais TT (trending topics) envolvendo BBB principalmente, sei que tem gente que gosta, mas ficar RT (retwittando, ou repassando) pra todo mundo, vai que nem todo mundo gosta. Como eu, por exemplo.
    Mas enquanto o mundo for mundo, sempre vai existir pessoas que querem te fazer a cabeça ou vai discordar ferrenhamente do que voce faz/pensa etc...
    Boa semana pra voce e a Denise!

    ReplyDelete