Thursday, March 10, 2011

Sessão Pipoca: Kokuhaku ("Confissões")




Yuko Moriguchi, professora de ciências do primeiro ano ginasial, anuncia sua demissão, embora os alunos não estejam lá prestando atenção (estão ocupados com coisas mais importantes, como trocar e-mails pelo celular, retocar a maquiagem, maltratar os colegas...), até que confessa seu real motivo da demissão: mãe solteira, sua única e amada filha morreu afogada, e quando descobre que na verdade sua filha foi assassinada por dois alunos de sua classe, jurou vingança. A classe paralisa de vez quando Moriguchi confessa também que o pai de sua filha falecida estava contaminado pelo vírus HIV e usou o sangue do falecido marido injetando nas caixas de leite que os dois alunos suspeitos tomaram.

Sem revelar as identidades, Moriguchi chama os dois suspeitos de "aluno A" e "aluno B". A partir daí a história é narrada pelos dois alunos, por Moriguchi e outros personagens. Descobre-se no decorrer da trama que o "aluno A" foi quem planejou o assassinato mas quem pôs em prática foi o "aluno B", que jogou Manami (filha de Moriguchi) na piscina da escola. Apesar do novo professor ser mais entusiasmado, o "aluno A" continuou os estudos, mas o "aluno B", preocupado com o fato de ter contraído o vírus HIV, sofreu danos psicológicos irreversíveis, deixando de ir a escola, ficando preso no quarto a ponto de nem se lavar. Cometeu o crime para que validasse sua amizade com o "aluno A", único com quem poderia confiar. Sua mãe, vendo que não tinha mais saída, tentou matar o próprio filho e a si mesma, mas uma reviravolta acabou sendo morta pelo próprio filho.

O "aluno A" conta que seus pais se divorciaram porque sua mãe estava cansada de ser dona de casa e queria ser cientista. Com isso, para ganhar a atenção dela, o "aluno A" começou a se empenhar em ser o melhor, sendo um pequeno inventor e cientista (a ponto de matar animais para dissecá-los). Ganha o primeiro prêmio da feira de ciências da escola, mas a notícia foi ofuscada porque no mesmo dia houve um assassinato de grande notoriedade e ganhou as primeiras páginas dos jornais. Decidiu planejar um assassinato para que ganhasse as primeiras páginas dos jornais e noticiários.

Além de ter matado sua colega de classe que estava demonstrando interesse por ele, planejou no dia da formatura do ginasial, um assassinato em massa, colocando uma bomba no salão principal, acionando assim que terminasse o discurso. Mas...

Quando a @mikan_ponkan resenhou sobre o filme, fiquei curiosa em saber mais sobre o que se tratava o filme. Quem assistir o treiler, pode achar "ah, mais um filme sobre maus tratos em escola", mas se pegar e assistir o filme de ponta a ponta, vai mais além disso. Desde maus tratos, indisciplina, crimes premeditados passa por requintes de violência, crises psicológicas, sede de vingança. Ainda mais que foi filmado de uma forma tão sombria, que realmente dá medo até pra quem gosta de filmes de suspense. Sabe aquela sensação que o filme vai te sufocar? Pois bem.

Se fosse no Brasil, o filme teria um sem número de problemas, a começar pelos atores adolescentes, que não sei como eles não tiveram sequelas psicológicas, porque eu digo, o filme é forte, tem que ter estômago e nervos de aço pra assistir inteiro e a atuação delas fazendo tais atitudes convencem!!! Vai imaginando o resto. Não é à toa que saiu com a recomendação "para maiores de 15 anos", mas os atores têm treze anos, como é que fica?

Não sei se aconselho assistir o filme antes, durante ou depois de ter jantado/almoçado/petiscado, pois quem tiver estômago fraco e se impressiona por qualquer coisa...

Dirigido por Tetsuya Nakashima (diretor de "Shimotsuma Monogatari"), o filme concorreu a pré seleção do Oscar de Melhor Filme Estrangeiro no ano de 2011, mas não conseguiu ficar entre os seis primeiros para concorrer ao prêmio, mas ganhou o 34o. Japan Academy Prize de melhor filme do ano. Com Takako Matsu (Yuko Moriguchi), Masaki Okada (Yoshiteru Terada), Yoshino Kimura (que faz a mãe de Naoki, o "aluno B").

Curiosidades:
- Takako Matsu descende de muitas gerações de atores de kabuki e quando entrou no colegial, queria ser atriz de novelas, mas onde estudava não permitia que os alunos entrassem no mundo do entretenimento comercial, por isso acabou pedindo transferência para o famoso Horikoshi High School, onde muitos artistas formaram-se lá. Ganhou notoriedade no j-dorama "Long Vacation" (1996), mesmo sendo atriz secundária. Só pra ter uma idéia, Matsu contracenou com Takuya Kimura três vezes - "Long Vacation" (1996), "Love Generation" (1998) e "HERO" (2001). 
- Além de atriz, Matsu é cantora. Seu estilo de música é mais suave e relaxante.
- Masaki Okada ficou conhecido como um dos ikeman (homem bonito) no j-dorama "Hanazakari no Kimitachi e", mas consolidou-se no papel principal em "Otomen", em que lutava kendo ao mesmo tempo que gostava de costurar e ler shojo manga. Fez a campanha do ano Novo das impressoras Canon-Pixus. E antes de "Kokuhaku", foi personagem secundário em "Akunin", que ganhou prêmio de coadjuvante no mesmo ano.
- Yoshino Kimura é atriz fluente em inglês devido ter passado boa parte de sua vida escolar nos Estados Unidos. Era ela quem fez o papel da nikkei brasileira em busca dos pais no Japão no j-dorama "Brothers" (1998), a mãe workaholic em "Happy Birthday" (com Nozomi Ohashi), a motoqueira que ajuda Juri Ueno a fugir da polícia no filme "Killer Virgin Road" (2009). Atenção: não tem parentesco algum com Takuya Kimura, embora o sobrenome mesmo em kanji seja o mesmo. Casou-se no ano passado com o Shonentai Noriyuki Higashiyama.
- O filme foi baseado no livro de Kanae Minato, de 2008.
"Trinta e sete alunos de 13 anos... e entre eles, dois suspeitos de assassinato". Não se deixe levar pelos sorrisos desta classe e desconfie da seriedade da professora...

Fotos: via Google mesmo. Mais dados obtidos via Wikipedia e no artigo da Mika conforme linkado e também via própria autora que assistiu o filme e agora está pensando vinte vezes se volta a lecionar.

6 comments:

  1. Kiyomi, fiquei de boca aberta ao ler essa sinopse... pelo visto, bem “light” rs. Realmente não sei se teria força o suficiente para assistir esse filme. Como sempre, adoro ler as curiosidades dos atores. Nunca ouvi a Takako cantando, mas adorei assistir “Long Vacation”, onde ela dá um chute em Kimura Takuya (coisa rara de se ver rs). Nem preciso dizer que adoro o Okada Masaki e quem bom saber que ele tem conquistado vários papéis importantes. E sobre a Kimura Yoshino, nunca vi nenhum trabalho dela. Mas gostei de conhecer mais sobre esse filme premiadíssimo. Pena que não conseguiu disputar o Oscar.
    Bjuss

    ReplyDelete
  2. Cacá, acredita que demorei pra acreditar que era o Okada Masaki no papel do professor substituto? Com aquele cabelo NUNCA que eu ia reconhecer.
    Se assistir esse filme, eu recomendo tomar algo pra conseguir dormir depois, pois eu fiquei muito muito impressionada! E da forma que os atores jovens atuavam, foram bem convincentes, parecia que faziam sem encenar nada!
    Não creio que nunca viu algum dorama da Kimura Yoshino!! Tem o taiga dorama "Teichijin", o especial "Happy Birthday"...
    Ah, nem mencionei a Ashida Mana como a filha da Moriguchi (ela aparece nas lembranças da mãe).
    Queria que esse filme tivesse disputado ao Oscar de Filme Estrangeiro tambem.
    Beijao!

    ReplyDelete
  3. oie, amei seu blog e estou doida para ver este filme! já mandei seu post pro meu irmao procurar!!
    beijus

    ReplyDelete
  4. Ótima indicação!!!
    Esse filme esta no meu top 10 thriller psicológico de todos os tempos!!!
    Fico legal o resumo do filme (com alguns spoilers, mas o texto fico muito bom!!!)
    Estou mandando um e-mail convidando para participar de um mini podcast para falar desse filme maravilhoso.

    ReplyDelete
  5. Eita, essa primeira foto parece um filme de terror rs...

    Kisu!

    ReplyDelete
  6. Bah, eu tambem pensei a mesma coisa quando vi o treiler do filme via "rabo de olho" (passou na TV e sabe quando voce esta fazendo outras coisas?). Quando assisti, todos meus conceitos da Matsu Takako (otima atriz por sinal), vou ter que repensar e muito, deu medo dela brrrr
    Beijao!!

    ReplyDelete