Tuesday, February 07, 2012

J-Dorama: Sobre os Doramas de Masaharu Fukuyama - 43 anos!

Postagem especial devido aos 43 anos de vida do cantor, compositor, produtor, fotógrafo, ator...




Muita gente conhece o artista Masaharu Fukuyama como cantor, compositor e dos comerciais dos televisores Toshiba e da cerveja Asahi Super Dry, mas poucos sabem que ele também é ator. E quando lembram do lado ator, lembram dele do taiga dorama de 2010 "Ryomaden", porque foi um dos trabalhos que ele mais se destacou.

Nascido na cidade de Nagasaki, província do mesmo nome, em 6 de fevereiro de 1969, já pensava em ser músico durante a adolescência, tocando em festas de escola, chegando a tocar em cafeterias para ganhar doces. Quando terminou o colegial, juntou 200 mil ienes e se mudou para Tóquio, onde foi tentar a carreira de cantor ao mesmo tempo que trabalhava em uma imobiliária para poder pagar as contas.

Sua tentativa como ator, foi num filme independente chamado "Honno 5g", no papel de um jovem que gostava de jogos. Hoje o filme é raro e se encontrar somente em VHS.

Ao mesmo tempo que começou sua carreira musical, logo foi convidado a fazer parte do elenco de "Ashita ga Aru Kara" ("Porque sempre terá o amanhã"), em 1991. Mas foi com "Ai wa douda" ("Do que seria o amor") que Fukuyama deu um impulso em sua carreira, ao ter uma de suas músicas como tema incidental no dorama - "Good Night".

Cena do dorama "Homework" (1993)
"Galileo" (2007), baseado no livro de Keigo Higashino.
"Homework", de 1993, foi um dos protagonistas, junto com o veterano Toshiaki Karasawa (que por sinal, os dois novamente trabalharam juntos no dorama "Galileo", em 2007, mas Karasawa só participou no primeiro capítulo). Mas um dos doramas dos anos 90 que Fukuyama ficou mais conhecido como ator foi nas duas séries de "Hitotsu Yane no Shita", que era um dos irmãos da família Kasuragi, separados depois que os pais faleceram (Fukuyama era o médico Masaya Kasuragi que na segunda temporada acaba indo para o exterior em missão humanitária).

Os doramas seguintes - "Itsuka mata aeru" ("Até nos encontrarmos de novo"), "Meguriai" ("Mudança do Destino") e "Perfect Love" ("Amor Perfeito"), Fukuyama fazia papéis românticos, mas quando protagonizou um diretor de TV de atitudes nada convencionais em "Bijou ga Yajuu" ("A Bela ou a Fera"), ganhou tons de comédia.

"Galileo", baseado nos livros de Keigo Higashino, foi um dos getsukyu da Fuji Television que saiu do tema convencional da grade da emissora - que normalmente seriam doramas de história de amor e romance. O dorama, que passou no outono de 2007, trazia mistério, suspense e investigações. Fukuyama fazia o protagonista, o físico Manabu Yukawa, que colaborava com a polícia usando sua mente para desvendar mistérios. O dorama fez tanto sucesso que teve duas spin-off - "Galileo Zero" e "Yogisha X no Kenshin", com quase o mesmo elenco do dorama.

Quando em 2009 saiu o filme "Amalfi", protagonizado por Yuuji Oda, muitos espantaram-se ao ver Fukuyama com outro visual - de cabelo comprido e com uma leve permanente. Apesar que no filme ele era apenas coadjuvante, mas o motivo da mudança radical foi que ele foi escolhido para protagonizar o taiga dorama da vida do reformista Ryoma Sakamoto, na série "Ryomaden", que foi ao ar em 2010 e durou o ano todo, tornando-se um dos papéis mais conhecidos do cantor.
"Ryomaden", um dos melhores papéis do cantor.

O taiga dorama fez tanto sucesso que Fukuyama chegou a ganhar um dos maiores prêmios na indústria de entretenimento japonês - em 2011 ganhou o Galaxy Awards como melhor ator; participou três anos seguidos no Kouhaku Utagassen, depois de dezesseis anos!! Uma das cenas que marcaram o evento, em 2010, foi quando teve sua longa cabeleira cortada em pleno palco do Pacifico Yokohama pelo ator Teruyoshi Kagawa, que contracenou em "Ryomaden", significando que o taiga dorama já tinha encerrado.

Recentemente, Masaharu Fukuyama tinha aparecido num anime especial do gato Doraemon (como Masaaki Fukuyama), tanto que no show da recente turnê em Osaka, Doraemon e Shizuka apareceram em pleno palco, dividindo com o cantor. No filme "Doraemon ~ Nobita to Kisetsu no Shima - Animal Adventure", Fukuyama assina e canta a música "Ikiteru, Ikiteku".

Doramas mais conhecidos:


- Ashita ga aru kara (1991)
- Ai wa douda (1992)
- Homework (1992)
- Hitotsu Yane no Shita 1 & 2 (1993 e 1997)
- Itsuka mata aeru (1995)
- Meguri ai (1998)
- Perfect Love! (1999)
- Bijo ga Yajuu (2003)
- Galileo (2007)
- Ryomaden (2010)


Especiais e filmes:


- Tengoku no Daisuke e (2003, tampatsu dorama)
- the Naminori Restaurant (2008)
- Yougisha X no Kenshin (2008)
- Amalfi (2009)
- Andaluzia (2011)

3 comments:

  1. tem uma música do Fukuyama q eu adoro: aquele que foi tema-song do dorama 'Water Boys'(esqueci o nome). Esse dorama foi muito divertido. Inesquecível.

    ReplyDelete
  2. fmass, Water Boys (o dorama) é bem divertido, inclusive fiz uma resenha sobre ela ano passado! A música do Fukuyama que foi tema, chama-se "Niji" (saiu em single, junto com "Himawari" e em CD, no "5-nen mono")
    Abraços!!! ^^

    ReplyDelete
  3. O Massaharu, realmente, é uma gracinha..
    Entendo a razão dele ter milhares de fãs...
    Como dizem por aqui... dá pra perder meia hora...
    Nozomi.

    ReplyDelete