Sunday, May 04, 2014

Experiências Culinárias: Frango a Passarinho Especial (特製☆鶏から揚げ)


Sempre achei que karaage era a tradução do nosso famoso frango a passarinho, mas depois que fui procurar algumas receitas a respeito, fui saber que o correto seria "tori karaage"!!! Karaage na verdade, seria uma técnica de fritura de vários alimentos, sendo os mais comuns as carnes de frango, bovina e suína. Se bem que, filé suíno empanado e frito, se chamaria tonkatsu.


O tori karaage é a comida mais comum aqui no Japão. Não pode faltar nos obento das crianças e adultos e faz o maior sucesso em piqueniques, festas e no dia a dia, porque, apesar de ser frito, a casquinha é crocante, mas seu interior é suculento, de consistência mole.

E aqui, tem até Associação do Frango a Passarinho do Japão (Japan Karaage Association), com direito a premiação e personalidades que são associados a iguaria.

Desde que cheguei aqui, eu costumava comer tori karaage de três formas: ou comprava pronto, ou usava um preparado para a iguaria, ou ia comer em restaurante. Mas fazer desde o tempero, nunca tentei. E olha que receita pra isso eu tenho (aquelas: compra revista de culinária achando que um dia vai fazer, encosta e nem lembra que existe).

Resolvi fazer depois que namorido começou a me intimar, já que ele já estava meio saturado de ficar comendo tori karaage pronto do supermercado na rua de baixo de casa, ainda mais que, de uns bons meses pra cá, estou voltando pra casa mais cedo.

Existem várias receitas, modo de fazer, e ninguém dá pra dizer qual é a receita original, quem foi o autor da idéia, mas esta que eu fiz, está na revista MORE edição 12/2013...

A revista de onde peguei a receita (e quem passou a receita foi eleito um dos ídolos que representa a imagem de divulgação da iguaria no Japão, já que ele AMA tori karaage) e a iguaria pronta. Pra quem fez pela primeira vez, deu pra enganar as solitárias.


Frango a Passarinho Especial (Tokusei Tori Kara-age 

Ingredientes:
- 5 sobrecoxas de frango sem osso 
Tempero:
- 4 colheres (sopa) de molho de soja (shoyu)
- 3 colheres (sopa) de saquê (próprio pra uso culinário)
- 2 colheres (sopa) de mirin (tipo de vinho de arroz)
- 1 colher    (sopa) de gengibre ralado
- 1/2 colher (chá) de alho moído 
Para empanar:
- Amido de milho (ou "katakuriko") 
Modo de Preparo:
1) Corte o frango em pedaços pequenos. Reserve.
2) Em uma vasilha, junte os ingredientes do tempero e coloque a carne de frango já picada e reservada e misture bem usando as mãos. Guarde na geladeira por 30 minutos, mais ou menos.
3) Tire o excesso de líquido da carne e empane os pedaços no amido de milho, e enquanto isso, aqueça em uma panela funda, óleo o suficiente para fritura. Quando o óleo estiver quente, frite os pedaços empanados aos poucos até ficarem dourado (mais pra escuro).

Notas: 
- Quem não gosta de alho, pode dispensar. 
- Não leva sal porque o shoyu já contém. 
- Como eu não tinha cinco sobrecoxas no congelador, mas cerca de meio quilo de carne de frango já cortada pra karaage, tive que calcular mais ou menos a quantidade do tempero, para que não ficasse salgada demais, nem ácida demais (por causa do saquê e mirin).
- O gengibre (shoga) e o alho moídos, eu usei aqueles que vêm em tubinhos, encontrados nos supermercados daqui, na seção onde ficam os condimentos.

Fotos: da autora mesmo.

2 comments:

  1. Nossa Ki! Quanto tempo que eu não como karaage! Acho que é pq estou evitando frituras o máximo que eu posso e frango sempre grelhado auhauhaa...
    Receitinha BAHsica que deve ser divulgada!

    Kisu!

    ReplyDelete
    Replies
    1. E olha que eu uso óleo sem colesterol (sabe aquela da Nissin Oillio?), mas fritura é sempre fritura...
      Karaage nunca falta nesta casa, seja comprado pronto ou feito com aquela farinha própria para isso.
      E claro, repartir a receita com azamiga ne? XDDDD

      Delete