Monday, March 16, 2015

Coisas Aleatórias

Sério. Até hoje sempre associo biscoito aquele que é doce e recheado e bolacha, aquele de água e sal ou cream cracker. Se colocam essa questão pra qualquer um, vira discussão, na certa. De qualquer forma, vou comer do mesmo jeito.

***

Uma vez postei sobre "Por que você não assiste/assistiu j-dorama?", que foi o meu ponto de vista sobre os motivos de não ter assistido ou não vai assistir - desde "não gostei do enredo" até "odeio tal ator/atriz". Passado alguns anos, percebi tardiamente que muito me deixei levar na opinião alheia. Moral da história: assiste se quiser, mas se não quiser, fica no seu canto e deixe quem gosta assistir.

***

Twitter foi a rede social que mais me ajudou no dia 11 de março de 2011 quando fiquei impossibilitada de usar o telefone. Felizmente, a internet funcionava (mesmo com uma certa demora no envio/recebimento de dados), mas era o que dava para ficarmos atualizados no que realmente tinha acontecido naquele dia. O que o Twitter e outras redes sociais ajudaram a unir e conhecer as pessoas (conheci muita gente legal desde então), hoje tenho a impressão de que está ajudando a dispersar.

***

Por mais que as opiniões alheias sobre um assunto que eu gosto ferem em mim, aprendi a tolerar. Afinal, ninguém tem a mesma opinião que a sua e vice-versa. Da mesma forma que minhas opiniões possam desagradar outras pessoas também.

***

A gente costuma reclamar de falta de tempo pra isso ou aquilo. Acabo lembrando de uma coisa que um ex-colega dos tempos de faculdade disse "Tempo a gente não tem, a gente arranja". No que eu consigo algum tempo livre, sempre aparece algo inesperado.

***

Perdoem-me, mas comeback pra mim é o que a banda japonesa Southern All Stars fez: quase 10 anos sem lançar álbum inédito, final de março sai um novinho. Isso porque nos dois anos anteriores, lançaram dois singles e voltaram aos concertos depois de cinco anos de ausência (ok, em 2011 eles se reuniram para o projeto do Team Amuse na música/promotion video "Let's Try Again"). E o melhor: não perderam fãs e ganharam novos.

***

Nunca é tarde para aprender algo novo. Inclusive gostar de matcha.

***

Existem assuntos muito óbvios que nem postei recentemente, como o Dia Internacional da Mulher e 11 de março, 4 anos depois. Porque sei que vai dar no que falar, e mesmo porque muita gente postou sobre o mesmo assunto. E li cada comentário que eu fiquei horrorizada.

***

Março e Abril, temos os conhecidos festivais - o Honen Matsuri no templo Tagata, na cidade Komaki (Aichi) e o Kanamara Matsuri em Kawasaki (Kanagawa), respectivamente. Ambos o mesmo tema: fertilidade, saúde e vida longa. Se acessarem as páginas a respeito, vão entender. E se eu for neste ano, em Kawasaki (geralmente no primeiro domingo de abril), foto vai ter, mas se vou postar aqui, posso correr sério risco de ter este Empório fechado mesmo justificando que se trata de uma manifestação cultural e secular.

***

Alguns animes por mais estranho que sejam, no fundo trazem uma lição para a vida. Um que comecei a assistir por culpa da curiosidade do filme que vai sair, é "Ansatsu Kyoshitsu" ("Assassination Classroom" em inglês ou "Classe do Assassinato", tradução livre). Uma criatura  enorme de cor amarela, que mais parece um polvo, além de ter transformado uma lua em quarto minguante (ou crescente, como está na tradução), resolve dar aulas para uma classe discriminada pela própria instituição de ensino. Ao mesmo tempo que os alunos tentam matar o professor, este dá várias lições para a vida (do tipo: professor não somente ensina mas também educa).

Dá até pena de matar uma criatura tão doce como esta.


Imagem: site ZKai, escola preparatória no Japão. O personagem Koro-sensei, do manga "Ansatsu Kyoshitsu" tornou-se professor-propaganda devido a sua popularidade (mesmo ele sendo o alvo dos seus próprios alunos, que ao mesmo tempo querem matá-lo, aprendem muitas lições com o professor).

No comments:

Post a Comment