Saturday, October 03, 2015

[Roteiro Gastronômico] Sennen no ki ~ Factory and Cake



Baumkuchen ou "bolo árvore", porque parece um toco de árvore, com direito aos anéis que indicam a idade da mesma, quando cortada. Esse tipo de bolo é típico da Alemanha (embora dizem que a origem tem controvérsias...), confeccionado em um rolo. Conforme vai assando uma camada, logo coloca mais uma camada de massa e assim por diante. Depois de assado é cortado em fatias.



Vou falar a verdade: nunca fui fã desse tipo de bolo - e olha que gosto muito de bolo. De vez em quando namorido comprava, aqueles mais simples, mas eu nem chegava perto. Daí você cria vergonha na cara e toma tento na vida e vai experimentar um bocadinho porque a colega de serviço te ofereceu e fazer desfeita é feio. E acaba gostando.

Um belo dia, folheando uma revista daqui da região, que tem um monte de informativos de restaurantes, clínicas, salão de beleza, etc., descobre um lugar que seria interessante de conhecer. Foi aí que resolvi dar uma espiada na cafeteria "Sennen no Ki ~ Factory and Cake", que fica mais ou menos perto de casa (digo assim, porque da minha casa até a estação de Gion, eu levo uns 30 minutos andando).



Logo que sai da estação de Gion (JR Kurari Line), dá bem de frente com essa fachada bem simpática. Pena que no dia que fui, estava chuviscando e os proprietários resolveram não colocarem as mesas na varanda.


A placa de entrada, feita de flores secas, com o nome do estabelecimento, dá um toque a mais no lugar.


A decoração logo na entrada do estabelecimento - antiguidades e flores.


No lado esquerdo da foto, o lugar onde se fazem os baumkuchen, mas não tive como tirar uma foto de como são confeccionados os bolos, mas dá pra ver os bastões que usam para assar os mesmos. Em algumas lojas de departamentos, têm quiosques que dá para ver como os baumkuchen são feitos e muitas pessoas chegam a parar para dar uma olhada.


Cada mesa tem um vasinho de flores devidamente decorado, e o menu - em forma de livro como se fosse um álbum de fotos - o que na verdade é isso mesmo - os produtos são fotografados. Sem falar que o lugar é bem aconchegante e espaçoso, embora tenham poucas mesas. Caso esfriar, tem cobertas para esquentar as pernas.


Pra não variar, fui de café mesmo. Mas olhem os detalhes - açucar em cubinhos (o marrom é mascavo) e creme numa canequinha de leite.


Não, não consigo fazer art latte no meu café. Sou suspeita para dizer, mas o café orgânico é muito saboroso! Aliás, o estabelecimento utiliza muitos ingredientes de origem orgânica, mas não encarece no preço, porque a maioria são da cidade e da região.


Na verdade, escolhi um combo especial da casa - "Otona Tiramisu Espresso Waumu" com café. Para ver como é diferente - dentro do copo, tem pedaços de baumkuchen de chocolate e baunilha, sorvete de creme e um biscoito em forma de guaximin, animal símbolo de Kisarazu. Você tem que colocar o espresso (à esquerda da foto) e depois polvilhar com café - sim, você mói o café na hora!

O sabor? Bem diferente mesmo - claro que não seria o verdadeiro tiramisu que muita gente já deve ter comido por aí, mas feito de forma bem caseira, usando o carro-chefe do lugar, o baumkuchen.

Os toronama waumu seriam os baumkuchen com uma farta cobertura cremosa. A loja é bem conhecida por esse detalhe.


Além de ser cafeteria, o estabelecimento vende seus produtos para levar pra casa e aceita encomendas para festas e presentes. Inclusive pedidos on line no site da empresa. O lugar já recebeu personalidades conhecidas, como o ator Gaku Hamada e o humorista e ex-governador de Miyazaki, Hideo Higashikokubaru e a jogadora Kozue Ando (inclusive, a camisa 7 da Nadesico Japan está exposta num quadro e produziu dois baumkuchen especiais para a loja).

O ator Teppei Koike também mencionou um dos produtos da loja - o Sennen no Ki Brulee - em seu blog oficial, em junho deste ano.

O lugar ficou tão conhecido que, em 2015, o baumkuchen "Toronama Choco" foi escolhido entre um dos melhores produtos pela empresa Yoshimoto 47 Shufuran (uma divisão da maior empresa de entretenimento do Japão, a Yoshimoto Kogyo).

Na foto, comprei dois chocomint baumkuchen para experimentar. Embora pequenos, daqueles "quero mais", são fofos e cobertura bem cremosa.  Ideal para o chá/café da tarde com azamiga. Mas ainda um dia vou comprar o tamanho maior, porque embora somos dois na casa, o apetite vale por cinco. (Depois reclama que tá gordo...)

A loja "Sennen no Ki" atualmente tem três - a matriz, que fica em Kisarazu, em frente à estação de Gion, uma filial, que fica em Ichihara, e a mais recente, na cidade de Kimitsu.

Dados do estabelecimento:

Sennen no ki - Factory and Cake
Home page (em japonês): http://www.sennennoki.com/
Atendimento: das 10 as 19 horas (parte da cafeteria, last order as 18:30), fechado nas segundas-feiras, exceto se cair no feriado, passa a ser no dia seguinte.

Fotos: todas da autora, menos o primeiro que foi montagem do Shiyagare com o logo da empresa.

Sobre o baumkuchen: wikipedia (em inglês).

Revista KATE: http://www.kate-omot.jp/


2 comments:

  1. Hoe, Kiyomi-chan!
    Demorou, mas estou tirando o atraso para comentar aqui! XD

    Acho que já falei isso, mas fiquei feliz quando vi seu post e o interesse por registrar seu turismo pela cidade onde mora. É engraçado como a gente super valoriza as viagens para fora e, às vezes, não damos tanta bola para o que o lugar onde vivemos tem a oferecer, mesmo sendo elementos que já ficaram tão banais no cotidiano. Não quero parecer muito bias, mas a tag tem me feito ver coisas boas que são particulares apenas de Curitiba e gostar ainda mais daqui; isso me surpreendeu, porque não era exatamente o que eu tinha imaginado que me aconteceria (ou que a experiência surtisse qualquer efeito sobre mim afinal). ^^"

    Mas vamos falar sobre a confeitaria: caramba, e imaginar que tinha um local tão famoso em Kisarazu, hein? Parece ser um local bem charmoso e, se algum dia eu tiver a oportunidade de ir ao JP e te ver, já te intimarei a me levar lá, viu? XD

    Na verdade, desde que vi o anime "Kobato.", fiquei mega curiosa em saber como era o tal baumkuchen, já que até na estória falavam que era uma delícia e era diferente de rocambole. Aliás, esse também faz sucesso aí, né? Nippão e seu fascínio por rolinhos... XD
    Ocorre que fui procurar mais a fundo, pra ver se alguém neste Brazilzão teve a "audácia" de vender o bolo-árvore e... Tem aqui em Curitiba! Infelizmente, não como carro-chefe nem como atrativo de uma confeitaria, mas encontrá-lo numa cidade sem mega influência alemã já me deixou feliz. Vou ver se um dia passo no Mercado Municipal para conferir e te conto o que achei, tá bom? ♥

    Beijos~

    ReplyDelete
    Replies
    1. Oha, Karupin!
      Fico contente em saber também que sua tag tá fazendo sucesso e que sem querer a gente acaba descobrindo na própria cidade coisas interessantes que a gente nem desconfiava que tivesse. E olha que estou morando em Kisarazu há quase 3 anos e não descobri nem 10% do que eu esperava...

      Olha, tirando o Mimachi Doori, onde foi o cenário de Kisarazu Cats Eye Series, existem lugares que muita gente famosa recomenda. Mas a maioria são ostras.

      O Sennen no Ki abriu uma loja na cidade vizinha, no mesmo estilo (obvio hahaha), mas o Kisarazu é bem mais conhecida. O modo que eles fazem os bolos, eu já havia visto quando morei em Yokohama - havia uma confeitaria que fazia o baumkuchen.

      No Brasil, o famoso bolo de rolo não lembra o baumkuchen?

      Hahahaha non creio, Curitiba tem?! Depois me conta, porque no Brasil nunca soube da existencia do bolinho.

      E quando vier pro JP, favor passar aqui, hahahaha

      Beijao!!!

      Delete