Sunday, December 27, 2015

Feliz Natal (mesmo que atrasado)


Atrasado como sempre, mas desejar Feliz Natal mesmo depois de dois dias nunca fez mal. Aliás, tem que ter compreensão sempre, porque nossa vida real está pior que Kinder Ovo, cheia de surpresas.

Que essa data sempre se repita, mas que venha cheia de felicidades, compreensão e amor, para que perdure. Por mais que a gente tenha que trabalhar nos feriados, que seja puro comércio, essa história toda que desde que eu me conheço por gente, eu convivo. Mas o importante é que tenhamos a chama do significado do que seria o espírito natalino sempre aquecida. Porque, vou falar a verdade: nunca vi tanta falta de amor como nesses últimos tempos. Cadê a solidariedade? Cadê a compreensão? Melhor nem falar onde foram parar, né?

Fico triste em alguns desabafos o quanto estar com a família e amigos faz uma falta danada (em qualquer ocasião) mas fico chateada quando leio alguns comentários sobre estar com família reunida e vira uma guerra. Daí eu paro e penso: o que está acontecendo com essa gente?

Espero que daqui por diante ao menos as pessoas tenham mais compreensão e um pouco mais de humanidade no que fazem, agem, falam e pensam, porque não dá pra viver assim.

Que tudo melhore daqui por diante e que sejamos pessoas melhores, especialmente na parte que se toca no emocional.

Foto: da autora, no Landmark Plaza, Yokohama. Campanha Bright Christmas.

No comments:

Post a Comment