Tuesday, June 23, 2015

Paul

Que continue encantando o público com sua simplicidade em seus shows.


Foto: via twitter na conta oficial do Paul - "Out There Japan Tour 2015", Tokyo Dome.

(P.S.: Era para ter postado no dia 18, mas a vida real da autora nem deu...)

Monday, June 22, 2015

It's Only Love

Normalmente eu quase nem falo do namorido aqui neste Empório, mesmo porque ele é a pessoa que mais morre de vergonha nesse mundo. Mas engraçado que gosta de vida social, eu não entendo.

Desde que a gente se conheceu, dezesseis anos atrás, já passamos por muitas fases, altos e baixos, tudo que a gente possa imaginar. Se a gente está vivo e junto até hoje é porque a gente acredita que no final tudo vai dar certo, mesmo sendo uma coisa por vez.

Uma das coisas que admiro nele é dar a liberdade de fazermos nossas coisas particulares. Claro que temos nossas coisas em comum, mas também temos nosso lado particular, como ele ir nos eventos dele e eu nos meus.

Acho que só ele para aturar meus surtos quando vejo meus ídolos na TV, quando vou nos eventos do tipo Comic Market da vida, quando vou nos concertos...

Outra coisa que ele me ensinou foi agradecer pelo dia que se foi e poder acordar para enfrentar outro que segue. Só o fato de estar vivo e com saúde, faz com que a gente possa enfrentar os dragões nossos de cada dia. E' cliché mas a frase "o importante é ter saúde, porque sem saúde como você vai poder enfrentar a vida?", mas saúde é um fator que não é o forte dele, mas ele nem pensa nisso (mesmo ele se cuidando e tudo o mais), porque se ele pensar, provavelmente ele cai em depressão, e isso, ainda bem que ele nem possui.

Muitas pessoas acham estranho a gente não trocar declarações de amor melosas nas redes sociais, não postar tanta foto juntos, não mencionar sobre dia dos namorados, porque a gente nem precisa ficar mostrando pro mundo todo o quanto a gente sente um pelo outro. Bem, cada um tem seu jeito de demonstrar, uns mais espalhafatosos, outros mais discretos. A gente se encaixa no segundo caso.

O importante para nós é estarmos bem, vivendo em paz. Se a paz na casa e na vida terminarem, tudo termina. Mesmo se porventura não der mais certo, que seja de uma forma amigável (porque seria a coisa mais constrangedora nesse mundo terminar a amizade).

Seja como for, espero que complete muitos mais anos pela frente e que estejamos sempre um ajudando ao outro para superarmos os perrengues que passamos e seguir adiante com a cabeça erguida.




Sunday, June 14, 2015

Dieta só na Segunda-Feira...

Uns dias atrás, dia de minha folga, fui eu alimentar minhas acompanhadas, indo na famosa cafeteria Starbucks (ou como diz um amigo meu, "café da sereia", por causa do logotipo). Quem lê isso, pensa que vou todo dia, mas ledo engano - apesar que aqui em Kisarazu tem três lojas da rede, todas elas ficam um tanto distante de casa.

Mesmo se eu quisesse ir todo dia, eu enjoaria em três tempos. Tudo o que é em excesso, enjoa.

Voltando, toda vez que eu vou no Starbucks Coffee, é quase inevitável eu acabar pedindo alguma bebida sazonal. Porque os tradicionais já tomei todos, inclusive o Matcha Frappuccino, que até uns anos atrás eu evitava porque eu não gostava. E os sazonais, sempre trazem aquele "algo mais" que faz você voltar de novo antes que termine.

O lado ruim de quando você resolve experimentar os produtos sazonais é que, quando você gosta, quer mais e logo sai de cartaz. E sabe lá quando esse produto volta (se é que volta)!

Três dos muitos Frappuccinos sazonais que todo mês aparecem na cafeteria, mas nem sempre consigo experimentar todos (mesmo porque nem tenho condições pra isso)...

1 - Chocolate Crunch Frappuccino: Quando o Clube do Necessaire postou a informação de que essa bebida tem 1044 calorias, tinha acabado de tomar um tamanho venti (sim, esse tamanho comporta 590ml de bebida) e comido uma torta folhada de ricota com mel. Resultado: naquele dia, não consegui nem jantar alface.

A bebida é formada pelo frappuccino tradicional (gelo, leite e café do dia triturado), acrescentando biscotti (um tipo de biscoito italiano, que normalmente comemos mergulhado em café quente, deixando ele amolecido - sim, essa iguaria é bem dura), amendoas picadas, com cobertura de chantili feito de café, salpicado com lascas de cacau torrado e calda de chocolate.

Por ter o biscotti, para tomar, o canudo tem o diâmetro um pouco maior que os habituais.

Dica: se restar, obviamente coma com a colher. Porque o biscotti é picado de forma tão aleatória, que têm pedaços que não passam pelo canudo.

No Portal Mie, chegaram a comparar a quantidade calórica do Chocolate Crunch Frappuccino com sete latas de cerveja ou dois Big Mac!!!

Chocolate Crunch Frappuccino (venti size) e Honey Ricotta Pie. (Starbucks Coffee Kisarazu Mitsui Outlet Park)

2 - Fruits on Top - Yogurt Frappuccino with Crunch Nuts: Essa bebida eu tinha visto no Instagram da Gesiane (a outra viciada em Starbucks *apanha*) e justamente naquele dia eu estava no centro de Chiba. O que eu não esqueço, foi o fato de que naquele dia eu enfrentei uma fila de uma hora para poder comprar o meu, mas tinha muito lugar para sentar.

Esta bebida era consistida em leite, iogurte e gelo triturado, com cobertura de geléia de frutas (com pedaços de laranja, morango, pêssegos branco e amarelo), chantili e amendoas picadas. Quantidade calórica informada: 492 calorias na embalagem tamanho tall  (350ml).

Por conter iogurte e frutas na composição, o produto não era tão calórico nem "pesava" no estômago, mas não sei se era a geléia, achei um tanto doce demais (e olha que, pra quem costuma pedir o Dark Chocolate Frappuccino, que é bem mais doce que o habitual...) e meio que enjoativo pro meu paladar, tanto que eu experimentei uma vez só.

Mas para quem queria algo mais leve e não é fã de café, era uma boa pedida, pois o produto ficou dois meses nas lojas da rede. Mas teve lugar que já esgotou bem antes.

Fruits on Top - Yogurt Frappuccino with Crunch Nuts (Starbucks Coffee Sen Chiba Mall)
 3 - Caramel Sakura Chocolate Frappuccino: Esse sim, o mais procurado pelo pessoal durante os meses de fevereiro e março. Para celebrar o fim do inverno e a entrada da primavera, época em que as flores das cerejeiras começam a aparecer em todo o Japão, a rede costuma lançar esse produto, que caiu no gosto dos consumidores - tanto que acho que já é o terceiro ou quarto ano consecutivo que esse produto volta nessa época do ano. Mas a cobertura muda às vezes (teve ano que foi calda de chocolate, calda de morango, mas em 2015 foi calda de caramelo).

Não costumo tomar a versão quente, apesar que em fevereiro ainda está frio. Mas confesso que espero essa época do ano para tomar essa iguaria, pois eu acho bem leve. Vai a mistura de leite, chocolate branco e gelo triturados, e mistura a calda de flores de cerejeira, com cobertura de chantili tradicional e calda de caramelo, com lascas de chocolate branco com sabor de flor de cerejeira (é, foi isso que eu entendi).

Acharam a mistura estranha? Mas você sente bem o gosto de cereja, achei bem leve e nada enjoativo. E, para acompanhar, cherry blossom chiffon cake. Como todo mundo deve saber, o chiffon cake tem uma consistência muito leve (teve gente que disse que parece esponja, hahahaha), mas o gosto da cereja é bem marcante e não enjoa. Tanto que eu queria mais, mas o bolso não permitiu.

Na ocasião, as lojas da rede Starbucks puseram a venda tudo o que poderia imaginar com o desenho e cores das flores das cerejeiras - desde tumblers até café com a embalagem das flores. Inclusive os copos servidos eram desenhados com as flores, o que dava pena de descartar.

Acabei não comprando o tumbler nem mug cup por motivos de que eu tenho um monte de canecas em casa e só uso o mesmo, pra desespero de alguéns, e tumbler eu tenho dois, mas só uso um.


Caramel Sakura Chocolate Frappuccino e Cherry Blossom Chiffon Cake (Starbucks Coffee Lalaport Tokyo Bay)

Claro que antes destes, já experimentei vários, como o Matcha Chocolate Brownie Frappuccino (foi em 2014 e aí estou curando a minha aversão a matcha, assunto que abordarei em breve neste Empório), Almond Latte Crunch Frappuccino (foi neste ano, depois do Caramel Sakura Chocolate Frappuccino), Chocolate Orange Latte (foi em janeiro, mas foi a versão quente, não tinha Frappuccino deste produto)...

Postei somente os sazonais no meu Instagram, porque os "de sempre" muita gente conhece e estes nunca saem de linha. Referente ao valor calórico, eu confesso que nunca dei muita importância (o que eu tenho que tomar cuidado seria nos produtos que podem me dar alergia, mas por enquanto, não posso abusar do camarão, que me dá coceira no dia seguinte).

Muitos podem dizer que "ir tomar café em cafeteria de marca é só pra quem pode", eu entendo, mas de vez em quando, vale a pena. Porque a vida da gente aqui não fica restrito a trabalho e dor de cabeça, a gente tem que ter vida propriamente dita de vez em sempre.

Quanto ao assunto dieta...

Fotos: todas da autora via Instagram.

Lembrando que a opinião da autora não influi na opinião dos outros, porque gosto é pessoal. 

Não estou ganhando nada para informar sobre os produtos apresentados e/ou mencionados. Sigo a linha "provei e vamos fazer resenha para todo mundo saber".

Monday, June 08, 2015

Quando o ano passa muito rápido (a.k.a., Caramba!!! Já estamos em junho???)

Quando virei a folha do calendário, recebi notificação de novidade via e-mail e o clima começou a esquentar e chover sem aviso prévio, percebi que entramos no mês de junho.


"Já chegamos na metade de 2015 ... é isso!  - Sakurai" 


Entra ano, sai ano, eu sempre tenho a (péssima) mania de dizer que "caramba, o ano passou depressa demais" ou "Já chegamos em junho???". Quando chega julho, mês que eu completo mais um ano de vida, cheguei a dizer "o ano acabou"...

Sem brincadeiras, eu achei que este ano está passando muito depressa demais. Nem parece que quase dois meses atrás eu estava lá no Tokyo Dome no show do Paul. E num piscar de olhos.... entramos em junho!!!

Daí a gente para e pensa - que fizemos de bom na primeira metade do ano? No meu caso, tirando o fato de que estou trabalhando direto, ao ponto de até trabalhar aos domingos e dias de minhas folgas, o primeiro semestre foi bom - um live viewing, um concerto, cinema, eventos de doujinshi e ter começado a engordar o cofrinho, eu não posso reclamar. Muito.

Primeiro, ao menos quando eu quero, eu posso tirar três dias de folga em uma semana. Depois, o que me resta do pagamento após pagar tudo o que é preciso, dá pra comprar o que ultimamente andei querendo (leia-se: mangás, DVDs, CDs, produtos de beleza...), e ainda sobra pra juntar.

Agora, vamos que vamos enfrentar a segunda metade do ano...

Imagem: printscreen feito a partir do celular na página da J-web ~ cada semana um membro do grupo posta um recadinho na faixa, seja um lembrete de algum evento, show, lançamento de álbum, filme, whatever, mensagem de aniversário ou até coisas aleatórias...