Saturday, February 06, 2016

Quarenta e Sete



Hoje, dia 6 de fevereiro, é dia do matcha (chá verde, mas não sei bem o motivo, e trendou no Twitter hoje), dia do nori (aquela alga preta prensada que a gente usa para fazer sushi), aniversário do Masaharu Fukuyama...

Sim, o cantor, compositor, instrumentista, fotógrafo, produtor musical, ator, radio personality etc., completa hoje 47 anos. O quê? Não parece! Pois é...

Quem pensou que depois que deu tchau ao celibato o homem ia sossegar e/ou mudar de rumo, erraram feio. Mal casou, gravou um programa de TV especial, comerciais, produziu o álbum "Fuku no Oto" com direito até a um concurso de talentos via You Tube no site oficial dele, fez 8 apresentações do Fuyu no Daikanshasai (sendo um dia exclusivo pra homens e um dia só pra mulheres), apresentou-se ao vivo no 66o. Kouhaku Utagassen... e este ano além de protagonizar um filme que estréia neste outono ("SCOOP!"), em abril protagonizará o getsukyu "Love Song". E, claro, gravando os vídeos pro FC BROS., e mensalmente o BROS. TV, onde mostra os bastidores e outras coisas mais, além de ser zoado pelos seus colegas de profissão...

Vamos a mais dez curiosidades sobre o moço. Só lembrando que fofoca da vida privada dele não entra aqui (piada interna - atriz ou apresentadora que quiser desencalhar, trabalhe com o Sho Sakurai - só em 2015, TRES atrizes e uma newscaster que trabalharam com ele, casaram. Para quem não sabia, a atriz Kazue Fukiishi, trabalhou com Sakurai três vezes...).

1. Manteve um programa de rádio por 23 anos quase sem interrupções... O programa de rádio mais famoso de Fukuyama foi o "Fukuyama Masaharu no All Night Nippon Saturday Special - Tamashi no Radio", mais conhecido como "Tamaraji", transmitido pela rádio Nippon Hoso (filiada a Fuji TV), das 23:30 a 1 da manhã, aos sábados. Era uma hora e meia de conversa fiada, entrevista e música ao vivo, tanto que o Masaharu trazia seu violão e interpretava música dele mesmo e covers. Encerrou as atividades no dia 28 de março de 2015. Dez dias depois lançou o álbum de covers "Tamariku", sendo que três delas interpretou no Fuyu no Daikanshasai.



2. Comemorou 25 anos de carreira com seis shows em dois estádios e no pé de monte: Em 2015, Fukuyama comemorou 25 anos de carreira são e salvo. Para agradecer esse feitio, marcou seis shows em dois estádios (em Yokohama e Osaka) e no pé do monte, o Inasa (em Nagasaki). A diferença é que, era a primeira vez em 25 anos que ele fazia show em estádio porque o Yokohama Stadium era pra baseball e foram 3 dias restritos só pra fã clube, que foi pedido. Quando ele disse estádio, eram o Nissan Stadium e o Yanmar Stadium Nagai, pra alegria de muita gente. Em Nagasaki, ele fez no pé do Monte Inasa, depois de seis anos que não fazia show lá. Resultado: tudo lotado, público de quase 400 mil pessoas nos seis shows.

Fez show duas vezes no Kyocera Osaka Dome porque ele pode.

3. Conseguiu fazer o Five Dome Tour depois de 24 anos de carreira... Em 2001, Fukuyama fez 4 shows em dois Domes - dois no Tokyo Dome e dois no Kyocera Osaka Dome. E demorou treze anos para conseguir fazer show nos dois Domes e 24 anos para fazer nos demais (Sapporo, Nagoya e Fukuoka). Motivo porque nunca conseguiu nesse tempo nem mehor comentar, mas que ele estava feliz, isso era inegável. A tour de 2014 "WE'RE BROS. TOUR 2014 HUMAN" foi tão especial que, conseguiu fazer duas vezes no Kyocera Osaka Dome, incluiu três dias no Saitama Super Arena e ainda um show em Taiwan e dois em Hong Kong.

4. Comentarista de programa esportivo: Não somente nas Olimpíadas o Masaharu vai como enviado especial pela TV Asahi. Pelo canal pago WOWOW, ele é comentarista esportivo de luta livre, o UFC Nihon Taikai. Nas Olimpíadas de Londres, em 2012, além de fotografar, participou dos comentários do programa e escreveu artigos especiais para o Asahi Shimbun. As fotos podem ser vistas na edição especial da revista AERA ("AERA London 2012").

5. Continua na lista dos artistas queridos pelo público: Ok, o moço casou mas mesmo assim continua na lista dos preferidos na Oricon, no Goo Site e, na revista SPA!, foi o primeiro lugar na pesquisa dos mais favoritos pelo quinto ano consecutivo... Vamos ver este ano...


Fuyu no Daikanshasai sono 15 - Uma amostra dos concert goods que pôs pra vender - necessaire, porta moedas, toalha, cobertor, sacola, mug cup, petisco made in Nagasaki... (as camisetas estavam ao lado) Tudo planejado e aprovado pelo próprio artista!

6. Participa na confecção dos concert goods e na comida: No site oficial do Masaharu, tem a seção da lojinha dele, o Fukuyamaya (paródia descarada da rede de lojas de departamento, o Takashimaya), onde vende produtos sazonais e limitados, e produtos permanentes. Sem falar que outros itens, como os concert goods das últimas turnês, são vendidos no site da Amuse. A maioria são idéias do próprio Masaharu. Inclusive teve até molho de salada (estou falando sério!!!). Nos últimos shows de verão e inverno, tinha até barraca de comida, como black curry, frango frito e yakisoba, tudo receita dele. Até os cartões de ano Novo que envia para os membros do fã clube ele mesmo desenha (pulemos esse detalhe).


Comprem meus CDs e DVDs, ganhe um brinde e participe do sorteio! Faça um Masaharu feliz! (Nota: até a véspera do primeiro show, no dia 19 de dezembro, ninguém sabia se Masaharu estava ou não de bigode, devido às filmagens de SCOOP! e enquete feito pelo próprio staff do BROS. no Twitter)

7. Não tem vergonha de fazer propaganda de si mesmo: No Fuyu no Daikanshasai de 2014, no dia em que era limitado pra homens, ele esperava 18 mil pessoas. Compareceram quase 15 mil. No MC, ele prometeu repetir a dose com a casa cheia, ou seja, 18 mil pessoas no Pacifico Yokohama no ano seguinte. Daí no dia em que abriram as vendas, pelo fã clube, um membro poderia levar mais três com ele; vendas via site oficial pra quem fez cadastro no celular; venda via Lawson Ticket; venda pra quem telefonasse no programa de rádio (no Talking F.M. que passava aos domingos); venda pra quem telefonasse no dia em que passou o BROS. TV no site oficial, que foi ao vivo e aberto para quem não era membro... Do tipo: Masaharu apelou pra tudo pra conseguir lotar no dia 23 de dezembro, dia em que faria o show só pros homens. Dito e feito: conseguiu vender TODOS os ingressos...


Foto da revista AERA London 2012, especial quando Masaharu foi para Londres fazer matéria para a TV Asahi e Asahi Shimbun. A revista esgotou rápido demais ao ponto de terem que fazer nova reprintagem. A revista possui fotos dele próprio e de seus colegas, mostrando não somente os atletas, mas a cidade no geral.

8. Uniu hobby para ser profissão: No período que ficou afastado da música, Masaharu se dedicou a estudar fotografia, inspirado pelo famoso fotógrafo Shoji Ueda (que, inclusive, fez as fotos das capas dos singles "HELLO" e "HEAVEN"). A partir daí, para onde ele ia, a câmera ia junto. Resultado: várias exposições, um livro contendo suas melhores fotos, desde 2000 é fotógrafo pela TV Asahi nas Olimpíadas, já fez capas de álbuns e singles para outros artistas... A ironia é que o próximo filme que estreiará neste outono, ele interpreta um fotógrafo... mas pra revistas de fofocas.


Presentes que ganhei no dia que fui no Daikanshasai, dia 27 de dezembro - amostra do shampoo e tratamento Tsubaki (porque ele faz o CM e a música) e um frasco de 200g da Kewpie Mayonaise, que ele faz CM também.

9. Não basta fazer show, tem que dar presentinho: Sobre o Daikanshasai eu já falei o motivo do Masaharu realizar (quase) todo ano. Como não bastasse somente fazer os shows no fim de ano, ele dá presente para quem vai nos shows. Já teve bolinho (manjyu), catálogo limitado do produto que fazia comercial, maionese, amostra de cosméticos e até relógio de pulso!!! (O relógio era da marca Citizen, pois em 2007 ele fez uma série de comerciais da empresa, inclusive nas lojas tinha um panfleto gratuito, o Real Scale)

10. Ajuda os mais necessitados sem precisar de muita propaganda: Apesar que o evento anual da Amuse, o Act Against Aids, deveria ser bem mais divulgado (porque toda a renda do evento vai para a pesquisa para combater a AIDS tanto no Japão como no mundo), muitas vezes o Masaharu ajuda. Nos shows, além das bancas de vendas de concert goods, CDs, DVDs e inscrição do fã clube, a equipe do AAA está presente divulgando o projeto, além da entidade "Friends of Rumania", que aparece sempre nos créditos de seus álbuns, desde 1998. A entidade foi criada para ajudar a população do país a reerguer a cidade depois da guerra civil, ocorrida em 1989.

Que continue sempre na ativa mas com saúde! Como você sempre diz "Ainda nos encontraremos!!!"


Fotos: (na ordem) montagem da autora; site oficial em junho de 2015; site oficial em janeiro de 2014; da autora; site oficial em dezembro de 2015; da autora via revista AERA; da autora (os dois últimos).

No comments:

Post a Comment