Sunday, March 20, 2016

[TAG: Cine Pipoca] Grasshopper (2015)




Na noite do dia das Bruxas, no famoso cruzamento que fica na saída da estação, pessoas fantasiadas se divertindo, quando repentinamente um carro a toda velocidade, atropela a multidão, fazendo várias vítimas, inclusive fatais.

Entre as vítimas fatais, Yuriko, a namorada de Suzuki, um professor ginasial.

Suzuki acaba por abandonar a profissão para se vingar daqueles que mataram sua namorada. Acaba entrando numa empresa de produtos de suplementos alimentícios chamado "Fraulein", e descobre que o dono da empresa é um dos chefões do tráfico de drogas do país (e também responsável pela morte de Yuriko).

Ao seguir Asagao, um dos responsáveis pela morte do filho de Terahara, Suzuki acaba se envolvendo em uma trama, envolvendo perseguição e fuga. 

Paralelamente, mais duas pessoas se envolvem com Terahara-san para um acerto de contas - Gujira, que faz com que suas vítimas cometam suicídio bastando fazendo-as olhar profundamente em seus olhos, e Semi, um adolescente que é um assassino com especialidade em facas.

**************************

Baseado no livro do mesmo nome、escrito por Koutaro Isaka em 2004, o filme também teve a versão manga em 2008 pela Kadokawa, ilustrado por Hiroto Ida (são três volumes). No início de 2015, foi anunciado a versão cinematográfica do livro, dirigido por Tomoyuki Takimoto (mesmo diretor de "Nou Otoko", de 2013), e tendo os atores Toma Ikuta, Tadanobu Asano e Ryosuke Yamada nos papéis principais.

Também estão no filme os atores Haru, Nanao, Kumiko Aso, Hidetaka Yoshioka e Jun Murakami.

O filme estreiou no Japão no dia 7 de novembro de 2015 (dia 28 de abril deste ano, sai em DVD e Blu-Ray).

**************************

Eu fui saber do filme "Grasshopper" na época em que saiu o filme "Ansatsu Kyoshitsu" (em março de 2015), quando comprei o panfleto. E' que na pequena biografia do Ryosuke Yamada, constava a informação de que iria estar no próximo filme - além dos noticiários terem comentado que o Toma Ikuta seria um dos protagonistas.

Como era apenas anúncio, maiores informações (como maiores detalhes do enredo, trailer e outros detalhes adicionais) que era bom, ficaram pro meio do ano em diante, quando saiu o cartaz oficial do filme, e um pouco depois, o trailer.



Aí pra querer saber mais sobre o filme, tive que esperar mais um pouquinho. E' que vou falar a verdade: não acompanhei as entrevistas nem as notícias que sairam algumas semanas antes da estréia. No máximo foi nos noticiários como Mezamashi Seven (Fuji TV) e ZIP! (NTV), por causa do horário (e minha vida corrida).

Consegui assistir um pouco depois da estréia, e no late show por causa do trabalho. E a sessão quase lotada, mesmo uma semana depois que estreiou nos cinemas...

Dificilmente assisto filmes que tem que estar preparado psicologicamente, porque é BEM violento (já no começo do filme, quando acontece o atropelamento, depois prepara o psicológico, porque piora, ou seja, haja sangue), tenso, daqueles que você espera que todo mundo vá desta pra melhor, menos o personagem principal. Mas fui assistir porque estava muito curiosa em saber sobre o enredo, apesar de saber da sinopse e ter visto o trailer.

Confesso que, depois de ver esse filme, ficou cada vez mais difícil acreditar que o Yamada, com essa cara de menino inocente que a gente vê nos programas de TV e no palco, retalhava primeiro e depois perguntava.

Algumas curiosidades sobre o filme:

- A cena no famoso cruzamento de Shibuya, não foi filmado em Shibuya. A produção do filme montou o cenário na cidade de Ichihara (Chiba) e, em uma reportagem no Zoom Star (NTV), mostraram como fizeram - ficou exatamente igual ao original. (Mesmo porque seria muito difícil, se não praticamente impossível, parar o trânsito para fazer as filmagens.)

- Uma das cenas - onde Gujira (Tadanobu Asano) encontra Iwanishi (Jun Murakami) - foi filmada em Kisarazu (Chiba).

- No livro, não consta o nome da esposa de Suzuki. No filme, ela se chamava Yuriko e era namorada do professor.

- A "garota enigmática" (interpretada por Aimi Satsugawa) não consta informação no livro.

- "Fraulein", o nome da empresa de Terahara, significa "filha" em alemão.

- A maioria dos personagens do livro levam nomes de inseto (Semi, em japonês, é cigarra), animal (Gujira é baleia) e plantas (Asagao, é gloria da manhã; Sumire é violeta; Momo é pêssego), por exemplo.

- O cantor Jack Crispin, que aparece na capa de álbuns que Iwanishi costumava ouvir, não existe, mas a música que ocasionalmente era tocada - "Don't Wanna Live Like the Dead" - era interpretada pela banda Jon Spencer Blues Explosion.

"Grasshopper" (2015), direção de Tomoyuki Takimoto. Baseado no livro do mesmo nome escrito por Koutaro Isaka. Elenco: Toma Ikuta (Suzuki), Tadanobu Asano (Gujira), Ryosuke Yamada (Semi), Haru (Yuriko), Nanao (Hiyoko), Kumiko Aso (Sumire), Hidetaka Yoshioka (Asagao), Jun Murakami (Iwanishi), Ryudo Uzaki (pai de Gujira), Renji Ishibashi (Terahara), Norihito Kaneko (Terahara Jr.), Aimi Satsugawa (garota enigmática), Hako Yamazaki (Momo). Música de encerramento: "tonight" (YUKI).

Site oficial: http://grasshopper-movie.jp/

Fontes: Wikipedia, site oficial, Zoom Star (programa do dia 31 de outubro de 2015, onde Yamada aparece como PR do filme). Fotos: site oficial.

No comments:

Post a Comment