Wednesday, November 16, 2016

[Pequenas Coisas que me fazem Feliz] Café



De um tempo para cá, percebo que as pessoas estão cada vez mais amargas, mais irônicas (levando pelo lado mau da coisa) e com muito rancor para dar e vender. O chato é que até de gente conhecida. Ok, a gente não dá pra ser 100% feliz e rindo a toa, porque a vida é dura. Mas também não dá pra ficar tacando vinagre na ferida ralada que aí fica difícil.

Muitas vezes a gente esquece das pequenas coisas que nos deixam felizes. Até coisinhas bobinhas, mas são o suficiente para esquecermos o quanto o mundo anda conspirando contra nós. Para alguns pode soar coisa idiota, sem noção, mas para quem quer um pouco de alegria na vida, já é algo muito importante.

CAFE 
Nem no Krispy Kreme escapa: CAFE COM LEITE GELADO



Isso todo mundo que me conhece, sabe: sou viciada em café. Não importa como, se é aqueles enlatados que compro nas máquinas, ou na cafeteria qualquer, ou passado na hora em casa ou na visita. Eu adoro café ao ponto de seguir alguns sites a respeito (mais conhecido como "grupo dos viciados amantes de café") e culminando com um cursinho relâmpago no Tully's. (Por sinal, eu deveria ter continuado o curso, mas nããão...)

Cafe Latte com leite de soja porque sou saudável :P

Uns dizem que café estimula, outros dizem que relaxa. Na maioria das vezes, me enquadro no segundo grupo, apesar que, nos dias de trabalho, acabo bebendo uns quatro ou cinco copos. Dos médios, porque eu trago de casa e ainda faço no almoço com aqueles coffee sticks, práticos e saborosos. Basta carregar um tumbler e ter água quente. Voltando, não existe coisa melhor do que encontrar azamiga de longa data, bater perna, e botar as novidades em dia numa cafeteria ou qualquer lugar que tenha mesa, cadeira e café (ou alguma outra bebida, de repente uma das partes pode não gostar/estar enjoada de café e essa pessoa não sou eu). Olha, não existe algo mais revigorante do que isso. Ok, sei que existe, mas no meu caso, voltei mesmo a ser uma consumidora assídua da iguaria. Acho que até mais do que chocolate...

Não basta apenas consumir, tem que APRENDER como se prepara....

Mesmo em casa, depois que volto do trabalho, assistindo noticiário ou dorama atrasado, acabo bebendo mais uma xícara.... digo, uma CANECA de café. E ainda consigo dormir, sério. Mas eu gosto dessa forma - a maioria das vezes que estou fazendo algum post, ao lado do PC, tem uma caneca de café. Já teve chá, suco, água, mas café faz parte da minha rotina. Sim, sei que pode me fazer mal ou não surtir mais efeito, mas até lá, deixem eu tomar meu cafezinho passado na hora, que seja.


(Assistindo "Cain and Abel" via Fuji On Demand porque não tenho como assistir em tempo real e bebendo o quê? Café com leite...)

E saudades do tempo em que eu fazia faculdade. Nas manhãs de sábado, era enfrentar a fila na cantina para comprar uma média - café com leite e pão com manteiga na chapa - para encarar quatro aulas de uma disciplina em comum a todos os cursos. Ou o chamado "pingado", que era somente café com leite (a gente pedia mais café que leite), que fazia a alegria de quem varou a noite em claro na sexta-feira (se era estudando, eu tenho até hoje minhas dúvidas).

Se bem que às vezes eu vario - pode ser algum matcha, ou suco de tudo o que tiver pra limpar o organismo -, mas tudo termina com café. Mesmo se for aqueles de latinha que a gente acaba comprando no meio do caminho.

Fotos: todas da autora, via celular, dá pra notar a linda qualidade que sai.











2 comments:

  1. Hoe, Kiyomi-chan! Tudo bem? :)

    (Sim, estou fazendo um corridão em alguns posts que eu jurei de pé junto que ia comentar e deixei para este tempinho! Sorry, shame on me ;_;)

    Ah, você sabe que somos parceiras no crime quando se fala em café, né, Kiyomi-chan? Eu também sou dessas que não vê um encontrinho com as amigas completo sem aquele café gostosinho para acompanhar a conversa!

    A canequinha de café com leite é a BFF aqui também, sempre tem uma para acompanhar os estudos ou as atividades da Internet. Mas ainda não consegui achar aquela caneca de estimação perfeita... </3

    Opa, você fez curso de barista? Queria fazer também, pelo menos entender mais da magia dos cafés filtrados de diferentes maneiras. Me conformo com a ideia de ser uma estranha no ninho quando falo que gosto de cafés e não sei a diferença que um Hario V60 pode fazer na bebida. :(

    Queria que tivesse esses cafés enlatados vendendo aqui no Brasil, é muito energético para pouco café - o mais próximo que temos disso é na caixinha e o desenho da embalagem parece mais com aqueles achocolatados infantis. Aí não, amigo, quero parecer cool tomando café também, huahuahua! XD

    Beijos, colega coffee lover~

    ReplyDelete
    Replies
    1. Ohayou, Karupin~ Eu fui respondendo do post mais recente ao antigo hahaha Olha a randonmice aqui.

      Definitivamente, sou viciada em café. Não posso ficar um dia sem tomar um copo, xícara, lata, balde, qualquer coisa, de café ou parece que não sou eu. Vou sair com as amigas, o que acontece? Bora papear na cafeteria. Vou sair sozinha, paro na primeira maquininha de café e compra um enlatado quentinho. Pior quando saio com o namorido, que também é viciado em café. Bem, nem tanto quanto eu, mas TODA vez que saimos, tem que tomar café no meio do caminho hahahaha

      Ah, mas você acha sua canequinha perfeita. A minha, bem, tento variar, porque caneca é o que não falta nesta casa, mas sempre tem que ser a mesma hahaha

      Fiz o curso básico de barista, mas eu deveria ter continuado, porque é interessante a forma de fazer a iguaria. Mas aí vai de cada estabelecimento, porque só fiz na Tully's trocentos anos atrás, e se eu quiser fazer de novo, tenho que ver se em Nagoya tem o curso. As vezes o café da sereia também promove alguns cursinhos.

      Puxa, o duro é que no Brasil ninguém está acostumado a tomar café gelado, muito menos enlatado. Foi algo que senti falta quando fiquei um mês de férias. Contentei-me com o pingado no Fran's Cafe quando tinha.

      Beijão também colega coffee lover (e addicted).

      Delete