Tuesday, November 22, 2016

[Pequenas Coisas que me fazem Feliz] Cinema



Cada um tem o seu jeito de ser feliz, e uma das coisas que me alegram, é ir ao cinema, assistir um filme, pra me divertir e esquecer os problemas da vida caótica. Além de melhorar meu nível de compreensão da língua japonesa ouvindo, porque 99% dos filmes que assisti aqui são todos em língua japonesa.

Na minha coluna "Cine Pipoca", eu comento de filmes que assisti no cinema. Os que não tive tempo de ir ver na telona, acabei assistindo quando saiu em DVD e as vantagens de morar perto de uma locadora aqui. Eu consigo assistir quando realmente dá tempo, quando não tenho o que fazer mesmo depois de ter feito todo o dever de casa, e quando consigo desconto. Ok, não é porque eu tenho desconto que vou ficar assistindo filme que não me interessa.

Quando o enredo e o elenco me atraem, eu reservo um dia para ir ao cinema mais próximo de casa. Se bem que já teve filme que falaram tanto, tanto, tanto, fui assistir e foi uma tortura aguentar até o final. Aí teve filme que fizeram pouco caso, mas eu gostei. Bem, gosto nunca se discutiu né.

Eu procuro evitar ler críticas, porque isso pode acontecer de eu acabar nem assistindo tamanha a repercurssão negativa. De um bom tempo pra cá, parei de ler críticas e somente saber o enredo, quem vai atuar e ponto final. Uma coisa eu aprendi: é ir pra se divertir, relaxar e esquecer o mundo. A mesma coisa eu faço com doramas. Se as críticas são boas ou ruins, deixo de lado porque nem eu sou crítica. Posso até opinar, mas aconselhar a assistir, vai de cada um.

Em meus quase vinte anos aqui, eu comecei a ir ao cinema depois de 2006. Dois ou três filmes que assisti, me decepcionaram, mas a maioria eu gostei. Gênero que eu gosto é comédia, mas drama familiar e romance também são bem-vindos. Já assisti filme tenso e violento, mas filme água com açúcar eu curto.

Por mais que eu tente evitar, eu não consigo ficar sem comprar um balde de pipoca com refrigerante (minha cota: um copo por semana). Já teve filme que no meio estava sem pipoca nem refrigerante, mas teve outras vezes que acabei levando a pipoca pra viagem. Em casa, é a mesma coisa: tem que ter pipoca. No cinema, já consegui o combo na faixa porque eu tinha tanto desconto no point card que tive que dar um jeito de gastar.


Outra coisa que eu compro quando vou ao cinema, seria o panfleto do filme, contendo fotos, informações e tudo o mais. Teve filme que não consegui comprar porque tinha esgotado, mas acabei encontrando depois em outro cinema. Até loja de segunda mão, achei (e a precinho bem camarada).

O duro é quando você acaba gostando tanto do filme que acaba comprando o DVD especial, aí seria outra história.


Fotos: todos da autora.

2 comments:

  1. Hoe, Kiyomi-chan! Tudo bem? :)

    Ah, eu também adoro assistir a filmes, mas não costumo ir ao cinema nem locar DVDs, então conto com a TV a cabo. Infelizmente, como os canais acabam oferecendo quase o mesmo repertório o ano inteiro, a tarefa de encontrar algo bom para assistir fica bem chatinha e acabo me apegando mais a seriados e programas normais do que os filmes em si. Estou quase me convencendo a assinar o Netflix, basta passar num concurso e já assino! XD

    E nada melhor do que a mídia japonesa em geral para aperfeiçoar o idioma, né? Estou cada vez mais me convencendo de que esse é o melhor jeito para aprender uma língua, além da conversação. :)

    Também procuro me desviar das críticas antes de assistir ao filme, influencia demais nas nossas impressões a respeito, mesmo que não queiramos...

    Não sei como é a divulgação de filmes no JP, mas outra coisa que precisamos nos esquivar é do bombardeio de trailers, que juntos entregam quase todo o suspense do filme. Para ver, quando fui assistir a Capitão América: Guerra Civil, já estava bocejando porque três trailers entregaram toda a primeira metade do filme! Péssimo...

    Gostei de saber mais sobre como você lida com este hobby, Kiyomi-chan!

    Beijos, flor~

    ReplyDelete
    Replies
    1. Oha, Karupin!! Tudo bem, sim!!!

      Espero que você passe no concurso! Estou torcendo pra que tudo dê certo!!

      Eu não assino TV a cabo nem aderi ao Netflix por motivos de conseguir administrar o bendito tempo!!! Pra ter uma idéia, estou assistindo dorama pelos aplicativos da emissora...

      Na real: desde que estou no Japão, a maioria dos programas são canais japoneses. Acho que desacostumei MESMO da programação nacional... Eu tenho um problema na lingua japonesa que seria conversação. Eu travo geral na hora de falar. Mas eu entendo boa parte do que falam, mas eu falar que é bom...

      Trailer aqui no site oficial do filme, sai três ou quatro, mas a mesma coisa, só que uma coisa ou outra difere, mas não tira o suspense do filme e aí sim você quer assistir de qualquer jeito. Um exemplo? Foi "Ikari", que eu vi o trailer somente no cinema e deu vontade de assistir. E nem acessei o site oficial e mal eu vi os noticiários.

      Critica de filme eu nem leio pra evitar spoilers, e infuenciar nas nossas impressões a respeito. De repente falam que é lindo e maravilhoso, mas é uma desgraça pra assistir. Bem, vai de cada um, porque teve gente que AMOU "O Diabo veste Prada", mas eu particularmente, quase dormi o filme todo.

      Pelo menos tres filmes que eu quero assistir, que apesar de só ter um trailer e repete quase a mesma cena nos noticiários, seriam Mogura no Uta 2, aquele do Toma como transgender (esqueci o nome) e Bokura no gohan wa asu de matteru. Sinta o drama...

      Hahaha não lido muito bem, não. Embora o cinema fique a dez minutos de casa, pergunta se eu vou toda semana...

      Beijão!!!

      Delete