Menu of the Emporio

Monday, October 08, 2018

Pequenas Pílulas de Segunda-Feira

Ou porque não achei título mais adequado.

☆ Existem assuntos que não abordo neste Empório porque não vou abordar algo que não domino. Então, eu fico quieta e só observando. Minha opinião guardo para mim, infelizmente neste ponto eu sou leonina - egoista mesmo.

♥ Outros assuntos eu não abordo porque eu tenho medo da reação das pessoas. No Twitter, quem já me conhece, sabe que frequento muito eventos de doujinshi, e gosto de BL, mas acho que nunca abordei a fundo aqui não por eu não entender do assunto, mas por causa do motivo que citei logo no começo deste item.

☆ Cada vez mais eu me decepciono com as pessoas. Imagine uma pessoa que você tanto considerava, desde o jardim de infância, rompe a amizade de longa data por causa de diferenças de ideologias, pensamentos e opções. Isso dói muito mais do que brigar por causa de biscoito e bolacha. Mas a vida continua.

♥ Aceito idéias e dicas de como começar a trabalhar como tradutora de textos, documentos, manuais. Porque estou vendo que será algo que dará algum futuro, tanto profissionalmente, pessoalmente e quem sabe, financeiramente. Aceito começar como trainee, traduzindo manga, ou panfleto de supermercado, qualquer coisa que seja válido para utilidade pública, para ganhar prática, para depois investir profissionalmente mesmo.

☆ Procurar coisas mais alegres e que dêem algum ânimo para poder seguir adiante e enfrentar os problemas do dia a dia, desde acordar cedo numa segunda-feira até lidar com o trabalho. Acho que, o quê me dão ânimo são postar em blog, ler (manga, revistas de variedades, whatever), assistir algo que me distraia (j-doramas, filmes e animes fofos), até pensar em voltar a tricotar ou fazer algum trabalho manual.

♥ Temos que enfrentar nossos maiores temores, por mais que seja penoso e trabalhoso, mas ficar com medo nos dias de hoje, só facilitará para fortalecer o inimigo. O que temos que fazer é unirmos as forças e enfrentarmos. Porque a coragem pode derrubar aquele que nos faz mal.

☆ O que precisamos no momento é empatia, coragem e podermos mostrar que não temos medo de enfrentar o desconhecido. Não seria quase a mesma coisa quando chegamos para viver em um lugar estranho? Soa clichê, mas qualquer ajuda seria bem vinda.

♥ Por mais que batemos na mesma tecla, amor nunca é demais.

No comments:

Post a Comment