Thursday, December 16, 2010

Quinze Dias

Shibuya, visão da saída da estação onde fica o famoso "Scramble Crossroad", indo bem em frente, o famoso Center Kai com ruas estreitas e lojas para todos os gostos; pra esquerda, voltando pra Yokohama pela rodovia 246; bem à direita, o famoso prédio onde fica a loja Tsutaya com o Starbucks mais lotado do Japão (segundo me disseram)...


Sempre assim: chega final do ano, muita coisa a gente acaba fazendo na correria para não deixar nada ou quase nada pendente pro ano que vem. Aí o ano novo chega e começa tudo de novo. E não adianta nada também a gente fazer as resoluções de ano Novo porque nem sempre a gente cumpre o que escreve. Por isso que não faço mais por experiência própria. Lembram que eu falei que vim pra cá com a intenção de ficar "apenas dois anos" só pra conhecer? Então, agora multiplica esses dois anos por seis e depois me contem...

Nada contra as pessoas que fazem resoluções de ano Novo, mas pra mim, não adianta que não funciona mesmo. Não consigo cumprir nem um terço do que anoto na minha agenda nova, logo na primeira página da primeira semana de janeiro. Também, acontece cada imprevisto que vou falar...

Parece brincadeira, mas também chega dezembro, acabo pegando resfriado. Daqueles fortes e não foi falta de me previnir. Teve ano que cheguei a ficar sem voz, com febre e dois dias de cama. Ainda bem que este ano estou me recuperando mais rápido, mas haja gengibre e limão...

Pra falar a verdade: este ano passou rápido. Se eu fazer um balanço geral, pelo menos as coisas boas vieram este ano. E calma que vou fazer uma retrospectiva ( a modo da autora aqui ). E as coisas ruins conseguimos superar. Ano que vem, estaremos preparados. Oremos.

Faltando quinze dias para acabar o ano, aproveitemos esses dias para arrumar a casa, resolver pendências, enviar cartões (que vergonha, algo que não faço há alguns anos...) Porque como disse um professor meu: "tempo a gente não tem, a gente arranja". Sei. Se o dia fosse de 48 horas será que mesmo assim daríamos conta?

Foto: da autora, tirada pelo celular mesmo, e nada tem a ver com o post do dia.

19 comments:

  1. Eu preciso arrumar tempo para um monte de coisa mas esse fim de ano ta tao corrido.

    ReplyDelete
  2. 2010 foi um ano pra lá de intenso, pelo menos para mim, na ordem:

    1. Recebi minha carteira da OAB
    2. Me despedi de Fortaleza pensando em trabalhar no Rio de Janeiro
    3. 71 dias terríveis no Rio de Janeiro, indo a várias entrevistas de emprego mas sem nenhum trabalho a vista. Desconfio seriamente que meu diploma de uma universidade de fora do RJ era visto com desconfiança.
    4. Ainda no RJ, peguei uma pneumonia.
    5. Não me arrependi de ir para o RJ e muito menos de voltar para o CE. Ao menos sei como é a realidade de emprego onde nasci.
    6. Continuei estudando língua japonesa.
    7. Aqui sim, arrumei um emprego e é muito bom.
    8. E posso terminar 2010 com carteira de motorista.

    Foi ou não foi um ano de luta?

    ReplyDelete
  3. oi,eu sou leitora do seu blog,gosto muito mais ele é muito baixo-astral porque é praticamente só feito de queixas assim fico até desanimada e me parece que morar no Japaum é uma merda
    desculpa ser sincera ;.(

    ReplyDelete
  4. é verdade Kiyomi, não consigo cumprir as metas que faço no início do ano.
    Desisti também
    Mas 2011, já digo, é ano da LUTA!

    ReplyDelete
  5. Resolução para 2011: arranjar mais tempo ou pelo menos saber abrir mão de algumas coisas menos importantes para conseguir fazer mais coisas que gosto XD

    Há 20 anos eu vimp ra cá achando que em 2 anos iria embora também. A gente simplesmente vai ficando... apesar da saudade, o Japão é bom ^^

    Beijos!!!

    ReplyDelete
  6. Ola Kiyomi, nunca fiz resoluções, tenho uma memória tao fraca que dia 1 ja esqueci tudo, e se anotar em algum lugar perco, e pra evitar frustrações também vai que nao cumpro nem a metade e me desanimo, mas sempre torço para que seja melhor que o ano que esta por acabar, e esse anônimo(a), falar que você é desanimada, baixo astral, e o blog é cheio de queixas, entao porque nao vai ler outra coisa se nao agrada? e se você só contasse das coisas boas daqui que sao inumeráveis? sera que o anônimo também nao iria dizer que você vive num mundo de fantasias, que agora que mora aqui esta deslumbrada e coisa e tal, o coisa difícil agradar a todos, mas quem mora aqui sabe que o ritmo de serviço é puxado, temos falta crônica de tempo, mas no fundo compensa, tem mais coisas boas que ruins senão teríamos ido embora já a muito tempo, uma coisa nao liga no fundo deve ser inveja, abraços.

    ReplyDelete
  7. Correria?! Nem me fale Kiyomi. Ainda nem comprei o presente do meu “amigo secreto”. E me identifiquei muito com suas palavras. Esses dias mesmo, ao abrir uma das gavetas da escrivaninha, acabei encontrando a minha agenda de 2010 novinha. Quem disse que eu usei ela. E pode apostar que vou comprar outra para 2011 rs. Realmente esse ano passou voando. E como anda a temperatura por aí... muito frio?

    ReplyDelete
  8. Desabafando, eu entendo você. Duro trabalhar, manter casa e ter tempo para nós mesmas. Maaaaas a gente arranja sim! Mas fico feliz por você estar muito contente, muito feliz mesmo! Quem 2011 venha com muita coisa boa!!!
    Beijao!

    ReplyDelete
  9. MP Kouhaku, so o fato de voce ter conseguido a carteira da OAB foi uma conquista, pois ultimamente está ficando cada vez mais dificil. No tempo do namorido (ele tem formação em Direito Tributário), voce escolhia: prova oral ou prova escrita.
    Mas o que foi o fim da picada foi no RJ: 71 dias procurando trabalho e ainda no final pegar pneumonia! Jurava que voce fosse carioca e nao de Fortaleza (tive amigas la).
    Quem sabe voce consegue vir pra ca nem que for a passeio...
    Abração!!!

    ReplyDelete
  10. Fabiana Yoko, trabalhar em redação não é bolinho, corre pra cima e pra baixo, ter hora pra fechar e enviar pra impressão... Mas a gente consegue sim. Pra dizer a verdade, nem esperava ir ao Tokyo Dome este ano. Sério. Mas valeu muito a pena, porém esperar dois anos pro outro show deles vai ser uma angustia...
    Beijao!!!!

    ReplyDelete
  11. Oi Fernando, nem esquente com isso. Melhor forma é ignorar. Desconfio que acessaram blog errado. Mas 2011 está proximo e quem sabe tudo melhora.
    Bem, dai tem 2012 e vai ser outra historia....

    Abraços!

    ReplyDelete
  12. Herika, imagino você ter que administrar sua empresa (lar doce lar), dividir tarefas (domésticas), controlar o caixa (salario do marido) e ainda otimizar os produtos (suas duas filhas fofas). Mas admiro mesmo sua força de vontade!!! E ainda produz excelentes produtos finais para dar energia a terceiros (comida).
    E depois falam que ser mãe não é profissão...
    Beijos!
    PS: somos duas que pensamos que "ah, dois anos e só". Vai vendo...

    ReplyDelete
  13. Cacá (The Doramas), agenda eu anoto, mas cumprir metade quem disse que faço... Felizmente 2010 está no fim e 2011 esperemos ter muita coisa boa. Afinal, ano do Coelho, ne...
    Beijao!

    ReplyDelete
  14. Olá Kiyomi,

    Esse ano voou mesmo, mal deu para cumprir tudo... rs

    Mas foi um ano ótimo para conhecer pessoas novas e enfrentar grandes desafios, foi um ano marcante pra mim.

    Não é superstição, mas sempre gostei de número ímpar. Acredito que ano que vem vai ser bem melhor!

    E vamos cuidar desta gripe hein... lembro que peguei umas gripes fortes aí no Japão e tomava o Paburon, que me dava efeito colateral (prisão de ventre), fala sério! Nessa época não há saúde que aguente...

    Bjão, bom fds!

    ReplyDelete
  15. Cartão só se for virtual. Esse lance de sustentabilidade é muito importante rs.... Mas aproveita pra descansar um pouco e tocar o sino na virada do ano no templo pra ver se traz mais sorte rs...

    Kisu!

    ReplyDelete
  16. Kiyomi, eu sou carioca, do bairro do Méier, Zona Norte do RJ. Só que eu moro em Fortaleza desde 1995, a família da minha mãe é toda daqui de Fortaleza.

    Rio de Janeiro, agora só em duas hipóteses: A passeio (a família do meu pai mora toda no RJ) ou então passando em um concurso público com um salário daqueles.

    Ir ao Japão... Já estou fazendo um planejamento de longo prazo. Já até marquei data: Abril de 2013. Um pouco mais de 2 anos para juntar dinheiro e me aprimorar no Nihongo. Fui no banco pesquisar quais são os investimentos mais seguros e rentáveis.

    ReplyDelete
  17. Eu fazia uma lista de ações a cumprir durante o ano mas desde o ano passado parei...não dá mais tempo de fazer e vão surgindo zilhões de outras coisas na frente que acabam se tornando mais importantes...

    Não sei se é porque a gente vai ficando velho mas parece que o tempo passa mais rápido...na época que era adolescente passava tudo tão devagar...rs...aquela ansiedade para fazer 18 anos...terminar o colegial...depois que passa tudo isso o tempo voa...

    Este ano foi muito bom para mim. Trabalhei bastante (ainda estou trabalhando...). Fiz vários amigos através do blog que comecei no início do ano sendo que conheci pessoalmente alguns deles (e alguns ainda não, mas espero encontrar um dia...Sinta-se incluída nesta lista...rs). Espero que o próximo ano seja tão bom quanto...

    Abraço e bom fim de semana

    ReplyDelete
  18. upgrade tem pra tudo, menos pras horas do dia, vou te falar!

    esse ano não foi ruim nem bom. deu pra levar rs.

    Kiyomi, vc vai no encontro dos twitteiros em janeiro?
    bjs

    ReplyDelete
  19. Kiyomi,
    Gostei dessa "tempo a gente não tem, a gente arranja"
    E é verdade, estou sempre reclamando da falta de tempo, mas quando me aparece alguns minutinhos extras para descansar ou tal, sempre arrumo outra coisa para fazer...kkkkk
    Ah, se fosse fazer uma retrospectiva do meu ano....também tive altos e baixos, mas com os baixos eu aprendi muita coisa, por isso, não posso deixar de citá-los.
    O meu unico e tão sonhado plano, é voltar a estudar, mas sempre fico com aquela mega insegurança, de dar conta ou não, da casa, dos filhos e ainda estudar.
    Mas vou levando um dia, de cada vez....
    O melhor que levo desse ano, são os amigos que fiz na blogosfera, porque até pouco tempo atras, eu escrevia muito pouco e assim, a oportunidade de conhecer os amigos demorou um pouco a chegar.
    beijos e uma ótima semana

    ReplyDelete