Thursday, November 01, 2007

Coisas que só Kinguio sabe

Meu marido que costumo de atendê-lo pela alcunha carinhosa de Kinguio (não vou responder porquê), tem algumas particularidades que só eu, por mais de oito anos, sabe. Talvez algumas coisas a família dele, mas isso seria outra história...

1) Vocabulário peculiar: Apesar de ter-se formado advogado mas pouco ter exercido, marido tem horas que escorrega no português. O que tem a ver uma coisa com outra? O curso de Direito não exige conhecimento profundo em língua portuguesa? Então... Voltando, existem palavras que só ele mesmo fala e pouca gente entende, como "está esclarecendo" (pra dizer que está amanhecendo) e troca as palavras em helicóptero (pra ele é "helipopótero" ou "helipocótero").

2) Inverte as refeições: Sempre aprendi que primeiro faz a refeição e depois come a sobremesa. Ou comer doces depois de salgados. Mas marido inverte tudo e, em casa, come o sorvete e depois se empanturra no jantar. Engraçado que quando a gente vai comer em restaurante, ele deixa a sobremesa pra depois.

3) Movido a café: Pra ele, nunca pode faltar café em casa. Fumante inveterado (dez cigarros por dia), seria mais que (quase) óbvio viciar em café. Mesmo quando a gente dá uma saída, mesmo andando pra ir até o discount store que fica perto de casa, tem que parar na maquininha de bebidas e comprar uma lata de café. De preferência o "Georgia Original".

4) Hibernação: Quando no domingo eu tenho que encarar o tronco, ele está de folga. Dependendo do dia, marido pode ficar o dia todo no ronco e acordar quando eu telefono avisando que vou chegar tarde. Isso quando acorda.

5) Craque em Criptogramas: Antigamente, eu gostava das "Cruzadas Diretas" e quanto mais difícil, melhor. Hoje nem chego perto. Mas marido pede toda vez pra mim, se caso passar em Gotanda, comprar duas revistas de "Criptograma", cruzadas em forma de figurinhas. Chega a acabar as duas em questão de dois dias ou menos.

6) Odeia marcas, mas... Sim, assim como eu, não faz questão de ter roupa de marca famosa. No guarda-roupa, minhas roupas disputam espaço para quase uma centena de camisas (ele não suporta camiseta, diz que sufoca), a maioria da Uniqlo (uma marca bem popular aqui). Porém compensa nisso nos perfumes que usa e num 525 no estacionamento do nosso apertamento.

7) Pão-duro, não... Se marido economiza nas roupas, do tipo, usa até elas criarem buraco ou quando não tem mais jeito mesmo, o mesmo ele não faz (e nem eu) em comida. Bom, melhor gastar em comida do que em hospital depois.

8) Tetrismaníaco: Além do "Criptograma", marido é viciado num jogo só: o Tetris. Quando ele tinha um dos primeiros console da Nintendo, o Game Boy, o troço parecia um tijolo de tão pesado. Quando eu comprei o meu, o Game Boy Color, mais leve, ele pediu emprestado porque o dele pifou e até agora continua jogando o dito jogo no meu ex-Game Boy Color. Comprei o Nintendo DS pra eu ficar jogando o Mario. Ainda bem que o Tetris que ele tem não funciona no meu...

9) Adora cozinhar, mas... Sim, meu marido adora cozinhar, até melhor do que eu. Só que nunca faz doces. Quem faz sou eu.

10) Quem mexeu? Por mais que eu tente, não tem jeito: marido sabe quando eu usei o carro por último. Quando ele vai usar, tem que acertar o banco, o espelho retrovisor e sabe que o CD-Player está ou no CD do Masaharu ( nosso ídalo) ou dos Beatles.

Mas Kinguio sabe também que tem um coração muito grande, por isso estamos juntos até então!

ADENDO: Já estava quase esquecendo: marido também é torcedor do Tricolor, com direito a morar perto do estádio e ter a camisa do time que tornou-se Pentacampeão Brasileiro. Tá, há muito não assisto a jogos a não ser da Seleção em época de Copa e olhe lá, mas deveriam ter transmitido o jogo do Tricolor, né?

2 comments:

  1. Huahsuahushausa

    A-D-O-R-E-I !!
    Helipocóptero

    Falando nisso, preciso de uma consulta com esse Advogado! Hehe

    ReplyDelete
  2. Tudo bem?
    Tb sou sao paulino e posso dizer que o jogo foi demais!!!
    Estava com saudade de ler seu blog.
    abcs Arnaldo

    ReplyDelete