Monday, August 23, 2010

Zatsugakou - Ou: Tudo que você achava que sabia tudo mas sempre acaba aprendendo mais

Devido ao meu horário desregado de trabalho, acabo perdendo a maioria dos programas legais que passam na tevê japonesa. O bom dos programas daqui é que tem um pouco de tudo, variedade é que não falta. Eu sei que vai ter duzentas mil pessoas querendo me esfolar, espancar, colocar num espeto pra assar em rolete pra alimentar metade de uma nação e outras duzentas mil pessoas querendo me ver frita em óleo fervente, mas que posso fazer se onde eu me escondo... ops, onde eu moro, sinal de antena paranóica não pega nem que a vaca tussa? Então vambora assistir o que passa nos canais daqui, uai!

Voltando. Recentemente, ao voltar pra casa (leia-se em Yokohama), sintonizei a tevê para ver o noticiário e navegando nos canais, teve um programa que chamou-me a atenção. Peguei pela metade, mas pelo conteúdo achei muito interessante. Havia muita coisa que eu não sabia. Semelhante ao "Acredite se Quiser".

O programa chama-se Zatsugakou (雑学王), passa as segundas-feiras apos 23:15 horas pela TV Asahi. Apresentado pela dupla de humoristas Bakushoumondai (Hikari Oda e Yuji Tanaka), o programa traz uma série de curiosidades, tanto daqui como do exterior. Seria também um misto de teste de conhecimentos com os convidados do programa.

Alguns exemplos:

1) Por que no Japão, vendem-se bandeja de pudim (ou iogurte ) com três unidades? Por volta da década de 50/60, quando as famílias tinham no máximo dois filhos e o pai era quem trabalhava fora, na hora do lanchinho da tarde, as mães davam iogurte ou pudim para os filhos e acompanhavam também. Como o pai estava no trabalho, então algumas empresas resolveram vender o produto desta forma. Bem, o problema seria quando fossem mais de dois filhos...

2) Sabia que as imobiliárias calculam o tempo/distância do apartamento para a estação através dos passos de uma mulher e usando salto alto? Quem já viu anúncio de imobiliária, sabe do que eu falo: o local da casa/apartamento/escritório fica a tantos minutos andando da estação x do trem/metrô y. Mas como eles calculam esse tempo? Acreditem: baseando nos passos de uma mulher de salto alto. Sei, não, mas acho meio furado esse tipo de cálculo, pois se for basear pelo que ando, de salto alto, de casa até o ponto de ônibus o qual pego o mesmo todo santo dia, levo dez minutos... isso se não tiver que apertar o passo quando o dito cujo se aproxima do ponto!

3) De onde vem o andar rebolando da atriz Marilyn Monroe? Quem prestou atenção nos filmes (antigos) da atriz, ela andava meio rebolando. Mas como ela fazia isso? Simples: um salto era menor que o outro por questão de milímetros...

4) Por que a rede de family restaurants Saizeriya não aceita cartões de crédito? Parece pergunta besta, mas tem explicação: devido ao preço mais em conta de seus pratos, não se vêem vantagens em usar uma operadora de cartões de crédito porque o retorno financeiro será muito baixo.

5) Sabiam que o "crisp sandwich" o sorvete da Haagen-Danz foi desenvolvido a partir da textura igual a das tortillas mexicanas? Para que a casquinha não amolecesse com o sorvete ao comer, a empresa lembrou algo semelhante aos tacos mexicanos - pelo uso de molho e salada e a massa da tortilla, que é rígida, não amolecia mesmo se demorasse a comer.

6) Todo mundo sabe que cerveja a gente compra no supermercado, bares, conveniências, loja de bebidas. Mas no Japão, na era Meiji (1868 a 1912), a cerveja - acreditem - era vendida em... farmácias! Sim, leram bem: em farmácias. Motivo: devido a cerveja possuir vitaminas e nutrientes contidos no aminoacido, a bebida era vendida como se fosse um suprimento energético. (A ressaca ninguém garantia depois...)

O único porém no site oficial é que só aparece as perguntas do último programa, o que faz muita gente querer saber as questões anteriores. O que é uma pena, pois o programa, eu assisto (quando dá), é muito interessante. E vale também pela apresentação da dupla humorística Bakushoumondai, tido como um dos poucos reconhecidos pelo ministério da Cultura daqui.

Uma amostra do programa, traz a participação dos atores Yukie Nakama e Hiroshi Abe, protagonistas do filme "Trick 3", que traz uma questão sobre mágicos na Idade Medieval.

Agora, quem possui o Nintendo DS, pode aumentar seus conhecimentos com o jogo "Zatsugakou".

Aconselha a assistir este programa, dona Piggy? Aconselho e vai ser bom para quem quiser também aprender mais a língua japonesa ouvindo. Sem falar também que terão muitos fatos curiosos daqui e do mundo, o que vale a pena.

Programa: Zatsugaku King ou Zatsugakou (雑学王)
Canal: TV Asahi (canal 10 ou pelo sistema digital, 5)
Apresentadores: Bakushoumondai (Hikaru Ota e Yuji Tanaka) e Yuko Yajima
Horário: toda segunda-feira as 23:15 horas.

10 comments:

  1. Nossa, quanta coisa interessante. Já desconfiava que alguns produtos são vendidos em 2, 3 ou 4 por causa do número de pessoas na família. Quando eu ando, levo muito mais tempo que as imobiliárias dizem.
    Fiquei chocada com o que fizeram com o seu carro. Espero que aquilo não se repita. Já acharam o suspeito?
    Elisa

    ReplyDelete
  2. Que interessante isso...rsrsrs...fiquei surpresa com isso do salto alto! Fiquei imaginando uma pessoa só com essa função..rsrsrs...percorrer distâncias de salto alto!

    ReplyDelete
  3. Muito legal o programa. Aqui em casa,só pega a NHK que eu assisto de vez enquando mesmo sem entender nada...

    Bjus e boa semana!!

    ReplyDelete
  4. Pô, só as curiosidades que você postou aqui já são legais pra caramba! O programa inteiro deve ser show!

    Vamos ver se me arrisco a traduzir o nome: "O Rei dos Conhecimentos Gerais", certo? XD

    ReplyDelete
  5. Olha!
    O blog está de cara nova!
    Eu gostei!
    Ah... É hj o programa! Vou terminar tudo por aqui e assitir, apesar de saber um pouquinho só de nihongo!
    Ah, é um prazer seguí-la!
    Uma beijoka e ótima semana!
    :)

    ReplyDelete
  6. Elisa, a história do carro acho que vai acabar quando a gente se mudar mesmo. O suspeito nem foi encontrado, mas também se encontrar...
    Bem, a medida feita pelas imobiliarias de tempo x distancia, realmente é furada: pra mim nao funciona!
    PS: os brincos foram um sucesso!
    Beijao!

    Desabafando, geralmente quem faz esse serviço é a funcionária do escritorio rs. Imagine andar de salto alto! Nem eu aguentaria...
    Beijao!

    Georgia, da pra ver no iuchubi. Se o pandora ou tudou funcionar no Brasil, melhor!
    Beijao procê também!

    Felipe, ao pé da letra é isso mesmo! O programa eu recomendo, bom pra aprender a entender a lingua japonesa rs

    Pri, o prazer é todo meu! Que bom que gostou do novo visual, afinal, depois de quase cinco anos...
    Beijao!

    ReplyDelete
  7. Pena que não dá para assistir aqui...só assisto NHK e já estou enjoado de tantas edições do "News"...

    Se bem que não iria entender muita coisa...meu nihongo está estacionado...rs...e sem tempo para fazê-lo progredir...

    Bjo,
    Carlos

    ReplyDelete
  8. Eu não sabia desse programa. Gostei, vou por pra gravar.
    Tem uns assim bem legais na tv daqui né, sempre cheios de curiosidades.

    Cerveja como remédio hahahah... esse cura tudo!

    mas ainda vende cerveja na farmácia né? pelo menos as perto de casa, todas tem rs.

    bjs

    ReplyDelete
  9. Assistir programas japoneses é excelente para aprender o "timing" do nihongo. É um complemento para depois das aulas. Depois de estudar gramática, vocabulário e kanji, assistir um programa desses serve para pegar o ritmo de fala e pensamento dos japoneses.

    ReplyDelete
  10. Carlos, dá pra tentar pegar via iuchubi ou se a conexão ajudar, via sites pandora ou tudou. Descobri o programa por acaso, como disse... Mas vale a pena mesmo.
    Abração!

    Alexandre, e o programa desta semana, eu perdi?! Vou ter que ver se encontro na net mesmo.
    Beijao!

    MP Kouhaku, se puder, tente assistir. Um dos programas que vale a pena. Alias, alguns programas de variedades valem a pena ver não só pra aprender a lingua japonesa, mas para saber mais sobre tudo...
    Abraços!

    ReplyDelete