Sunday, September 05, 2010

Brazilian Day - Festa Brasileira no Meio de Tóquio

Já fazem quatro anos que o evento "Brazilian Day" é realizado no Yoyogi Koen (ou Yoyogi Park) no centro de Tóquio. O evento, além da divulgação da cultura brasileira através de dança, gastronomia e outros serviços, é marcado pela apresentação - no sábado, principalmente - de Serginho Groisman (do programa "Altas Horas") e de algum grupo musical que veio diretamente do Brasil.

O festival é realizado em outros países, onde há concentração de brasileiros como Inglaterra, Canadá, Estados Unidos e Japão (acho que eu preciso me atualizar melhor, não sabia que Canadá tinha tantos brasileiros assim). E realizado em setembro, mês da Independência do Brasil.

Confesso: fui nos três eventos anteriores, mas o primeiro acabamos por ir embora antes do show pois um mês antes primo do namorido sofreu acidente e ficamos sabendo na semana do evento. Como primo do namorido estava internado em Tóquio, fomos no evento e depois pro hospital. No segundo, despencou uma chuva que fomos embora antes. E no ano passado, eu tive que ir trabalhar em pleno sábado, mas antes de ir pro serviço, consegui conversar com dois amigos meus que encontrei no evento e comprar alguns salgadinhos pra beliscar no plantão.

Este ano, quando soube que uma das bandas favoritas minha e do namorido (na nossa adolescência) viria, logo tratamos de marcar folga no sábado. Apesar do calor escaldante, gente pra caramba (claro, o parque é espaçoso, evento onde tem comes, bebes e música, queriam o quê), o evento desta vez estava bem mais cheio. Claro que outros virão, provavelmente cada vez muito mais gente - sejam os brasileiros que aqui residem, os demais países e até os japoneses - virá pro evento.

Penso assim: puxa vida, a gente trabalha todo dia, enfrenta as adversidades do dia a dia, por que não se divertir, seja evento destinado a todas as massas, seja ir a um barzinho que sirva algum petisco made in Brazil e jogar conversa fora, seja algum encontro de grupos, sei lá.

Apesar de eu ter quase sido espremida, levado algumas cotoveladas, quase um banho de cerveja, ao menos consegui ficar num lugar razoavelmente bom para que eu pudesse ao mesmo tempo ouvir, ver e tentar registrar nem que fosse em foto mal focada, mas que valeu a pena ouvir sucessos novos e da "minha época" do agora trio Kid Abelha (nos anos 80 eram o Kid Abelha e os Abóboras Selvagens, aí alguém lembra?).

Paula Toller, a carismática vocalista do grupo que há quase trinta anos embalando antigas e novas gerações como "Pintura Intima", "Alice", "Como Eu Quero"...

Foto: Da lesada autora, que conseguiu com muita cara de pau, coragem e disposição esticar o braço e colocar no zoom, tirar uma das fotos do show...

8 comments:

  1. OI!!! Foto corajosa né. Mas saiu excelente. a banda eu não conheço.
    Pois não faz muito tempo que estive no Yoyogi. Era Domingo á tarde e o calor que vc sabe. bandas a tocar e rockabillys com popas enormes. Da próxima vez temos que combinar uma cerveja bem gelada, valeu?
    Obrigada por seu carinho.
    BEIJÃO

    ReplyDelete
  2. Será que nesse "Brazilian Day" dá só brasileiro ou aparece algum japonês interessado em música brasileira?

    Pelo menos mandaram o Kid Abelha, um grupo pop "simpático" de letras fáceis e melodias boas de karaokê. Mandar grupo de pagode, Luan Santana, bandinhas Emo ou a Banda Calypso seria quase um incidente diplomático, e aí talvez os japoneses entenderiam porque é que a música japonesa faz tanto sucesso no Brasil a ponto de alguns (eu inclusive) terem coleções de CDs e até discos de vinil de música japonesa.

    ReplyDelete
  3. Que legal!
    Hj tem em Toyohashi o Dia do Brasil aqui.
    Fui só uma vez, achei muito chato. Fora o povo q vai lá pra arrumar treta, afff. Esse ano nem fui, quer dizer, nem daria mesmo pra ir. E hj tem festival da Tailandia...mas perdi tb

    bjs boa semana

    ReplyDelete
  4. Lolipop, a banda é conhecida entre os brasileiros. Pra quem tem mais de 30 anos...
    Da proxima vez, a gente vai tomar sim, uma cerveja bem gelada meeeesmo! Tanto que em Zushi tem um "Umi no Ie" brasileiro (mas o dono é japones) que no verão vive cheio!
    Obrigada tambem, seja bem vinda de volta!
    Beijao!!!

    MP Kouhaku, no "Brazilian Day" aparecem pessoas de muitas nacionalidades, já encontrei americanos, africanos, latinos, japoneses... Os japoneses que vão, são mais para provar a comida mesmo. Se for pra ouvir música, acredite: desta vez encontrei muitos japoneses ouvindo as músicas do Kid Abelha. Mas no domingo, quem foi encerrar o festival foi o Kazufumi Miyazawa (do The Boom, lembra?), que tem laços MUITO grandes com o Brasil!
    Só pra constar: Kid Abelha fez parte da minha adolescência ainda com o Leoni.
    Os outros anos anteriores, tirando Jorge Benjor, o resto bem, deixa pra lá. (E ainda por cima, no dia do show do Jorge Benjor, um dos bons músicos nos anos 60, despencou uma chuva que tivemos que ir embora - o local é aberto!)
    Japones, se gosta de musica brasileira ou é samba de raiz ou bossa nova. Ou MPB de "classe" mesmo.
    Abraços!

    Alexandre, se tivesse vindo ontem, você ia gostar do show. E acredite: tinha muita gente que nem era nascido ou era muito criancinha ainda quando a Paula Toller começou a fazer sucesso e acompanhava TODAS as músicas. Neca de zoeira, nem briga - acho que foi um dos poucos eventos que fui que em termos de organização foi bem tranquila!
    Quanto a vestimenta do pessoal... bem, deixa pra lá....
    Beijao!

    ReplyDelete
  5. que legal,tinha esquecido da data do brazilian day.
    O kid abelha eh uma das bandas que mais gosto,eh aquele tipo de banda que tem varias musicas boas,e nao apenas uma musica boa por cd,ahhaa...e por isso que continua fazendo sucesso,vai passando de geracao em geracao.
    um beijao e valeu pelo post.
    E tambem quero agradecer pelos seus comentarios super atenciosos,e as informacoes adicionais que vc sempre deixa,acaba enriquecendo as informacoes que deixo.
    :D
    beijaooo.

    ReplyDelete
  6. Oi, Andreia! Se tiver duvida, pode perguntar. Tentarei responder se eu souber rs
    Pois é, final de semana teve o Brazilian Day e desta vez - pelo que eu percebi estando no meio sendo espremida pra tentar ver melhor (e tirar algumas fotos) - a atração principal caiu no gosto do pessoal! Mas que estava um calor de derreter, ah isso estava...
    Beijao!
    PS: Gostei do significado do seu novo blog!

    ReplyDelete
  7. Nossa, eu fui nesse evento uma vez, mas quando morava em Chiba.. nos últimos tempos que estava por ai não atravessaria o país para poder , assistir um show brasileiro, mas entendo vc e gostei de ver que vc se divertiu e virou tiete por um dia rs...

    Kisu!

    ReplyDelete
  8. Bah, em qual deles você esteve? Olha, é que eu não postei, mas tiramos uma da visão geral tirada da escadaria do parque, estava pior que 25 de março em dia de liquidação!
    Dentro de três semanas (eu acho) o programa especial do Japao sairá no programa Altas Horas.
    Pelo menos desta vez capricharam no show, nunca vi tanta gente empolgada e o melhor: nao vi brigas!!!
    Beijao!

    ReplyDelete