Sunday, June 11, 2017

Fatos Aleatórios da Vida que segue



Todo dia eu agradeço pelo dia que passou e pelo dia que chega. Agradeço pelo fato de eu ter saúde e condição para trabalhar e fazer as coisas que eu gosto. Agradeço por eu ter tido a oportunidade de estar aqui no Exterior e não reclamar de tudo, porque tem muita gente que gostaria de estar no meu lugar e não pode/não consegue por uma série de fatores.



Até hoje existem pessoas que se espantam ou fazem troça de mim pelo fato de eu sempre agradecer antes e depois de comer. Qualquer coisa, seja um docinho até um banquete completo. Meus pais sempre me ensinaram a agradecer pela refeição, porque até hoje eles falam o quanto sofreram na pós-guerra.



Faço a egípcia quando tiram sarro dos meu obentobako que trago minha comida diariamente - eles são pequenos, com desenhos fofos, e quem me conhece, eu quase não como tanto assim (como o suficiente para me saciar, jogar fora é mottainai). Já teve gente que chegou a dizer que "se você estivesse no Brasil, eles iam rir da sua cara".



Mesmo estando quase duas décadas aqui, eu me empenho em estudar a língua japonesa quase todo dia, seja em casa, seja fazendo aulas em entidades do governo. Motivo: eu quero mudar de vida, apenas isso.


Um dos motivos de eu querer mudar de vida (por isso estou estudando), é me livrar de gente que vive reclamando de tudo no ambiente de trabalho. Eu sei que nada é perfeito, mas a vida já é difícil, pra que aumentar a dificuldade mais ainda?


Muitas vezes tive vontade de dizer para as pessoas que vivem reclamando do estilo de vida daqui, "pega suas coisas e volta de onde veio", mas conto até vinte, respiro fundo e deixo quieto, porque não vale a pena discutir com gente tacanha.


Tenho um defeito deveras grave que é discordar de muitas coisas que as pessoas falam. Dependendo do que for, mas eu já perdi muita amizade dessa forma. Mas tem gente que não dá pra ficar concordando com tudo a contragosto e deixá-la com ar cínico de que "sou a última bolacha do pacote".


Tem gente que acha que ser educado é a mesma coisa que ser idiota. Se a gente é mal educada, acham ruim. Se a gente pede com educação, acham ruim do mesmo jeito, então como ficamos?



Apesar de tudo que enfrento no meu cotidiano, tento seguir meu caminho, trabalhando, estudando, lendo, me distraindo da forma que eu posso, porque a pior coisa, pelo menos para mim, é você ficar na modorra sem fazer nada e depois chegar a conclusão que perdeu anos de sua vida sem ter feito nada.

Fotos: Todas da autora.

2 comments:

  1. Hoe, Kiyomi-chan! Tudo bem? :)

    Sinto que algumas reflexões aqui expostas não são inéditas, o que me entristece, pois significa que os problemas que as originam insistem e persistem...

    Infelizmente, de gente cega dos seus privilégios e que só reclamam o mundo está cheio e não é exclusividade de nenhuma etnia ou região, senão pelo fato de pertencer à mesma espécie humana. O que fazemos de melhor mesmo é ligar o foda-se (ai, desculpa, falei XD), cuidar das nossas próprias vidas e carregar esse orgulho de estar fazendo algo por si mesmo - é o que dá força para seguir em frente, porque tudo que vem disso é só fruto desse esforço de agora.

    Confesso que estou surpresa por você comer pequenas porções, mas longe de te julgar, viu? Achei curioso, só isso! E tudo super saudável, eu tô só urayamashii aqui - e acho que quem faz troça também, hein -, isso sim, haha! ♥

    Não se preocupe, flor, você está mais do que certa em continuar a trilhar seu caminho com esses pensamentos e sentimentos na bagagem. Sempre estou desejando tudo de bom pra ti! :)

    Beijos~

    ReplyDelete
    Replies
    1. Oie, Karupin ~ demoro, mas não falho. As vezes.

      Até um tempinho atrás, eu estava na boa, vamos dizer assim, tocando a vida, fazendo as coisas que eu gosto, enfim. O problema começou na virada do ano, e cada dia mais as coisas parecem conspirar contra a gente. Mas, felizmente, estou mais ligando o botão de f*da-se e acabou. Estou deixando muita gente falando sozinha pelos cotovelos.

      hahaha Sério, eu como pouco mesmo. Mas também, como nos intervalos, aí já viu, ne? Por causa do fator peso X idade, estou mais comendo grãos, saladas e frutas, e vez em quando (quando eu lembro), arroz integral. Mas uma pisada na jaca no fim de semana não faz mal nenhum XDD

      Arigatou pelo apoio sempre!!!

      Beijao! <3

      Delete