Tuesday, September 15, 2009

Vale a Pena Ler de Novo (ou: as Dez Postagens mais Comentadas, o Retorno) - Parte 2

Bichinhos de Jardim, por Clara Gomes
Foi mal aê, leitores, da semana passada ficar devendo a segunda parte das postagens que mais comentaram desde junho. E olha que eu pensei em fazer no final do ano, mas pelo jeito não sei se vai dar. Tudo bem, até o final do ano pode acontecer um monte de coisas. Como na propaganda do (saudoso) Kinder Ovo: cada chocolate tem uma surpresa. Ou melhor, no filme "Forrest Gump": a vida é uma caixa de chocolates... (só não vou falar de novo do stand-up comedy dos Melhores do Mundo, a frase de Joseph Klimber senão os leitores me jogam pedras)

Vocês não pediram, mas a autora insistiu: agora, a segunda parte das postagens mais comentadas de junho deste ano pra cá (se bem que depois da primeira parte, ainda teve mais postagens).

6) Turistando: esturricando em Enoshima e momento zen em Samukawa (9 comentos): Todo mundo que me acompanha, sabe que eu moro a meia hora (de carro, sem trânsito) da praia de Enoshima (cidade de Fujisawa, provínicia de Kanagawa), tanto que eu falo que, se um dia houver um tsunami, prazer em conhecer vocês. Exageros à parte, a postagem sobre a praia rendeu comentários. Só que a autora aqui passou o verão é fugindo do sol como o vampiro corre do alho. Resultado: mais um ano como Branca de Neve.

Como nem só de praia e sol vive o verão. Temos os matsuris, os hanabis e... visitas ao templo. Sei que visitas aos templos o auge é no início do ano, mas visitar templos e agradecer pela graça alcançada pode ser qualquer época do ano. Foi até melhor a gente ter ido para Samukawa (Kanagawa) pra (re)visitar o templo e tirar algumas fotos, pois quando fomos há sete anos atrás, nem deu pra tirar alguma foto decente pois estava lotadíssimo (quem manda ir em janeiro?).

Bônus: Exame médico, somente pros fortes (ou masoquistas) (8 comentos que surgiram entre um episódio e outro): Eu tinha contado no ano anterior o drama e sufoco que passei no exame médico anual que sou obrigada a fazer. Este ano, eu diria que das duas uma: ou eu já acostumei ser amassada, virada e espremida tal como massa de pizza, ou de tanto passar por uma bateria de exames pra uma simples consulta "de mulher", passou meio que batido. Vocês não acreditam, né... De brinde, uma passada pra exames nas intimidades mais profundas...
5) Dia de folga, desastre à vista (11 comentos): Sempre que folgo, acontece alguma coisa. Ou chove, ou fico com uma baita duma cólica mensal, ou acabo dormindo demais e atraso nos afazeres domésticos. Mas o mais grave no dia que escrevi sobre meu dia de folga, foi o fato de que meu chefe resolve ligar pra mim e meu celular, pra não variar, estava no manner mode ou, seja, não faz barulho algum!!! Toda vez que eu folgo, esqueço de destravar essa função e já levei varios esporros por causa disso.

4) Agenda lotada e Como ser feliz no trabalho: Na verdade, minha agenda lotada deve-se além do trabalho em si, meu curso de conversação em língua japonesa e dois shows pra assistir devidamente agendados desde agosto. O pessoal não acreditou quando disse que pra conseguir ingresso pro show do Masaharu Fukuyama, tive que encarar sorteio. Eu não sei se ingresso pra algum show no Brasil o preço é barato (bom, depende do show), mas um show internacional no Brasil quanto custa? Do Franz Ferdinand equivaleria hoje, aqui, a 150 reais, mais ou menos?

Nos dias de hoje, ser feliz no trabalho não basta ter força de vontade. Tem que ter uma baita duma auto-estima violenta pra encarar os pepinos do dia-a-dia. Além do mais, encontrar um serviço que seja 100% perfeito, é impossível. Nem mesmo trabalhando em casa. Se souberem de um serviço assim, me avisem.

Eu quis dizer trabalhar em casa. Imagine, trabalhar em casa, poder ficar no conforto do lar, e... bem, aí quanto a parte de ter a disciplina de horário, fica algo a se pensar...

Semana que vem, se tudo der certo, a parte final. Mas quem acompanha, já sabe qual é o recorde de comentários...

7 comments:

  1. Aqui no Brasil um show é nessa faixa de preço tabem, o show do Faith No More o mais barato ta saindo R$ 150 (Pista) e o mais caro R$ 300 (VIP), lembando que aqui estudante paga meia!

    ReplyDelete
  2. Os posts mais comentados no blog sempre são os de comida, pq será? hahahaha

    Ótima Terça!
    Miquilissss
    Bru ^^

    ReplyDelete
  3. ahahahah adorei as postagens mais comentadas. Me sinto que nem o post sobre a Branca de Neve. FDS tomei um solzinho à tôa, fiquei com dor de cabeça a noite inteira rs... Imagina qdo chegar o verão e tiver que ir à praia? rs.. quero ser camarão sem pegar câncer de pele. Pq japa q é japa não fica bronzeada (só os descendentes de Okinawa) rs...

    Kisu!

    ReplyDelete
  4. Realmente gostei dos seus mais comentados.
    Concordo que as pessoas comentam mais quando escrevemos sobre comida. Desventuras de algum tipo também rendem comentários.

    Esse restaurante dos cupins fica em Yokohama? Me diga qual é porque lá não vou. Ou melhor, acho que irei só para conferir. rsrs
    bj

    ReplyDelete
  5. Show do F.Ferdinand só sai a 150 pilas com a carteirinha falsa da UNE. Nada sai por menos de R$ 200! roubo!

    ReplyDelete
  6. Eloy e Naka, o show do Franz Ferdinand aqui no Japão ficou o equivalente a 150 reais, independente do lugar (bom, se bem que no International Forum nao tem distinção de pista, arquibancada, porque é tipo de um anfiteatro, sabem?), preço unico, portanto, todo mundo paga igual...

    Bru, Qui e Elisa: a verdade é uma só, o pessoal tem a curiosidade de saber onde, como e o que come... Sem falar das toupeirices. Eita gente que gosta de rir da toupeirice alheia ahahahahah

    Bah, se ver minhas fotos de hoje, se eu ficar em frente de uma parede branca, só vai ver os cabelos ahahahah exageros à parte, é que se eu tomar sol, ao inves de ficar com aquele bronze igual de Okinawa, acabo virando um siri cozido igual de Hokkaido... Namorido que é feliz. Ele não é descendente de Okinawa (familia é de Kochi), mas fica torrado tal como um amendoim que passa do ponto...

    Beijos e abraços!!!

    ReplyDelete
  7. Li seu post sobre o exame medico. Eu tava crente que era igual o exame medico anual obrigatorio da faculdade (exame de urina, raio-x de pulmao e mais meia-duzia de procedimentos bobinhos), mas que nada!!! Acho que eu nao aguentaria esse exame de estomago... tb nunca fiz mamografia, mas pelo que a gnt ve na tv deve doer pacas! Passar por tudo isso eh judiacao demais... misericordia!

    ReplyDelete